sexta-feira, fevereiro 13, 2015

Sorrir faz bem: Joãozinho “quase” petista




Uma professora petista do ensino fundamental explicava aos alunos o "ser petista". Pediu que levantassem a mão todos aqueles que fossem simpáticos ao partido. 
Todos os alunos, por temerem represálias, levantaram a mão, exceto um menino que estava sentado no fundo da sala. 



A professora olhou para o menino com surpresa e lhe perguntou: 

- Joãozinho, por que não levantou a mão? 
- Por que não sou petista! - respondeu.



A professora perguntou de novo: 

- Se não é petista, então com quem se simpatiza? 
- Com os tucanos! - respondeu com orgulho o menino.



A professora cujos ouvidos fanáticos não podiam dar crédito a algo assim, exclamou: 

- Joãozinho me diga: porque és simpático aos tucanos? 



O menino muito tranquilo respondeu: 

- Minha mãe é tucano, meu pai é tucano, meu irmão é tucano, por isso eu também sou tucano! - arrematou... 

- Bem, replicou a professora - mas isso não é um bom motivo.. Você não tem que ser tucano como seus pais. Por exemplo, se sua mãe fosse mentirosa, seu irmão um meliante vagabundo e contraventor e seu pai um fraudador ladrão de dinheiro público, o que você seria? 

- Bom... aí eu seria petista!




0 comentários:

Postar um comentário