terça-feira, novembro 05, 2013

Estímulo aumenta a produtividade - * Reinaldo do Carmo de Souza


Evitar o tédio e a falta de motivação profissional é uma preocupação de empresas de qualquer ramo de atividade. Problemas nesse campo mostram que algo não vai bem à área Recurso Humano e costumam resultar na queda de produtividade, com consequente perda de lucros. Prêmios em dinheiro e sistemas participativos são, cada vez mais, meios de estimular os colaboradores.

Produtivismo, a desmotivação atinge mais diretamente aqueles que trabalham em funções rotineiras, como conferentes, escriturários e operários de linha de produção. A repetição monótona da mesma tarefa induz a pessoa a cometer erros e a forma de superar o tédio é através da proposta de novos desafios. “Uma administração participativa é fundamental para a motivação dos colaboradores. Em um departamento administrativo, burocrático, a ampliação do diálogo pode resultar em sugestões interessantes”.

Um exemplo prático do sistema participativo foi aplicado em uma empresa em que presto assessoria. “Criamos a campanha interna “Você Faz a Diferença”, onde o colaborador apresentava sugestões para melhoria das condições de trabalho”, A proposta vencedora foi a que sugeriu uma mudança na chegada e distribuição de mercadorias, que acabou resultando na extinção de um setor e em uma maior agilidade no processo. Os autores da ideia receberam prêmios em dinheiro. O sistema de premiação abrange até mesmo os colaboradores de outras áreas.

Reuniões quinzenais entre todos os colaboradores para discussão das condições de trabalho e segurança fazem parte do sistema implantado há cinco anos pela Mangels Metalúrgica. Com 4,200 empregados espalhados por três unidades, a Mangels costuma premiar, em dinheiro, as melhores sugestões apresentadas nas reuniões.  

A produtividade depende também de estímulos e de integração entre os colaboradores e a empresa, é preciso envolver as lideranças e toda a empresa na implantação de programas ao estimulo.

* Reinaldo do Carmo de Souza​ é professor da Universidade de Cuiabá - UNIC, pelo Programa de Expansão Universitário - PEU.


1 comentários:

Postar um comentário