sexta-feira, maio 01, 2015

Sonda norte-americana Messenger se choca contra Mercúrio




Como era esperado, a sonda da Nasa "Messenger" caiu nesta quinta-feira (30-04-15) em Mercúrio após ter esgotado seu combustível, terminando uma missão bem sucedida de exploração do menor planeta do sistema solar, que é também o mais próximo do Sol.


A nave se chocou contra a superfície de Mercúrio às 16H00 de Brasília, segundo informações da Nasa em sua conta no Twitter. Sua velocidade ultrapassava os 14.000 km/h.

Lançada em 2004, a Messenger (sigla em inglês para Superfície, Espaço, Ambiente, Geoquímica e Alinhamento de Mercúrio) foi posta em órbita em torno de Mercúrio em março de 2011 depois de três voos rasantes.

Em 21 de abril, o centro de controle do Laboratório de Física Aplicada (APL) da Universidade Johns Hopkins em Laurel, Maryland (leste dos Estados Unidos), executou a primeira de quatro correções orbitais.

A última operação foi feita em 24 de abril, esgotando quase todo seu combustível, o hélio - explicou Daniel O'Shaughnessy, engenheiro de sistemas da missão.

Sua missão foi inicialmente apenas para durar um ano, mas como estava operando bem e retornando dados interessantes e descobertas, os cientistas prolongaram sua vida o máximo que podiam.

A principal descoberta da Messenger ocorreu em 2012: uma espessa camada de gelo nas regiões polares do planeta, confortando a hipótese de que Mercúrio contém abundantes quantidades de água sob forma de gelo nas crateras das regiões polares que nunca são iluminadas pelo Sol.

A missão Messenger custou 446 milhões dólares. Os cientistas ainda vão continuar a analisar os dados obtidos a partir da sonda durante os próximos anos.


AFP

0 comentários:

Postar um comentário