quinta-feira, maio 19, 2016

Após eliminação na Libertadores, Diego Aguirre deixa o comando técnico do Atlético-MG




Diego Aguirre foi anunciado em 3 de dezembro de 2015 como técnico do time para a temporada 2016, o uruguaio se desligou do clube nesta quinta-feira (19-05-16), após a eliminação para o São Paulo, na Copa Libertadores. Apesar do triunfo por 2 a 1, no Independência, o Atlético não chegou à semifinal, por ter sofrido um gol como mandante.
Foi a terceira eliminação alvinegra na temporada, que antes de cair na Libertadores, nessa quarta-feira, já havia perdido a final do Campeonato Mineiro e ficado somente na fase de grupos da Primeira Liga. Com um elenco caro e cheio de opções, o rendimento do time estava abaixo do esperado, como revelou o presidente Daniel Nepomuceno, ainda antes de comunicar a demissão de Aguirre.


"Falei pra Daniel que queria deixar o clube há algumas semanas já. Daniel me pediu pra esperar jogos importantes, como contra o Racing. Achei justo e combinamos que quando acabasse eu deixaria. Agradeço a todos no clube, foi uma experiência excelente", falou Aguirre, em coletiva.

"Eu e Diego, quando conversamos hoje, fizemos questão de vir os dois juntos falar com a imprensa. Quando se tem relação pessoal, temos que caminhar juntos nos momentos bons e ruins. Não tenho muito a dizer. Ele me procurou há algumas semanas, ainda nas oitavas de final, ele compreendeu. Ele deixa muitos ensinamentos, é um treinador moderno e competente. Ainda não falei com nenhum outro treinador", falou Daniel Nepumoceno, presidente do clube.


0 comentários:

Postar um comentário