terça-feira, junho 07, 2016

​Secretários se reúnem com prefeito para avaliarem andamento do PDI



Das 277 iniciativas constantes no PDI (Plano de Desenvolvimento Institucional) desenvolvido pela Prefeitura de Cuiabá em parceria com o Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT), 200 foram iniciadas. Durante reunião de avaliação do prefeito Mauro Mendes na tarde de segunda-feira (06-06-16), os secretários municipais fizeram uma breve exposição das metas já alcançadas.

“Foi uma reunião extremamente importante, na qual alinhamos tanto as ações operacionais como os objetivos estratégicos de médio e longo prazo [até 2023] da prefeitura. Cada um fez um rápido diagnóstico daquilo que já foi feito e apresentou o alinhamento das ações com aquilo que estava planejado dentro do nosso PDI”, explicou Mauro Mendes.

O PDI é uma metodologia de gestão estratégica implantada pelo TCE-MT. Para que os resultados sejam atingidos, as iniciativas estabelecidas devem ser cumpridas. Os processos começaram a ser executados na administração Mauro Mendes a partir de 2013 e os trabalhos, coordenados pela Secretaria de Planejamento, começaram a ser intensificados em novembro passado com a mensuração dos resultados.  

De acordo com o secretário Guilherme Muller, o objetivo é produzir resultados de acordo com a avaliação das metas estabelecidas. “A reunião foi de avaliação das metas. A saúde, por exemplo, tem 29 iniciativas que já foram iniciadas. Isso permite atingir as metas estratégicas estabelecidas. Este trabalho continua junto às secretarias, com cada gestor, apurando os dados levantados para melhorar ainda mais os resultados almejados. Dentro de 90 dias deverá ocorrer outra reunião de avaliação do secretariado com o prefeito”, explicou Guilherme Muller.

Conforme os resultados apresentados, diversas secretarias já cumpriram com as metas e algumas delas chegaram a superar aquilo que foi estabelecido. A Controladoria Geral, por exemplo, dentro do objetivo geral que era de o de fortalecer o controle interno, tinha como meta ampliar até final de 2016 em 30% os instrumentos de transparência pública e controle social e os resultados até agora superam, e muito, o que fora projetado. “Alcançamos 500%, fizemos muito além do além do que foi estabelecido”, disse o controlador-geral, Wesley Bucco.

Dentre os instrumentos para melhorar a transparência estão o Portal da Escola Transparente, a Semana da Transparência, o SIC (Serviço de Informação ao Cidadão), e o Portal da Transparência que foi aperfeiçoado. O portal, em conformidade com a Lei de Acesso à Informação, permite que a população saiba onde estão sendo investidos recursos em educação, saúde, habitação, assistência social, infraestrutura, dentre outras áreas.  

Em 2013, o Portal da Informação continha seis informações básicas da lei. Em 2016, já com o novo portal, este número chega a 59 informações. Lançado no dia 22 de março passado, em dois meses a nova plataforma já teve 42 mil acessos e a projeção é que até o fim do ano alcance 150 mil acessos.

Outro objetivo, o de garantir o desenvolvimento urbano de forma sustentável, foi cumprido pela Secretaria de Serviços Urbanos no quesito coleta de lixo. Em 2013, a coleta tinha um índice de 89%. Em 2015, o índice alcançou os 100%, com a coleta de lixo sendo realizada em toda a Capital.


Outra meta era ampliar os serviços de jardinagem. Em 2016 o objetivo era de chegar a 100 pontos modificados ou reurbanizados, mas a secretaria deve ultrapassar a meta e terminar o ano com aproximadamente 130 pontos reurbanizados, totalmente ajardinados. “Nosso planejamento indica que, no máximo em dois anos, Cuiabá estará cem por cento ajardinado, chegando, inclusive, aos bairros periféricos. Temos ainda uma meta ousada para este ano, que é plantar 50 mil novas árvores. Nós queremos e estamos trabalhando muito para que Cuiabá seja novamente a Cidade Verde de outrora”, disse Stopa. 



0 comentários:

Postar um comentário