sábado, junho 04, 2016

Voluntários se mobilizam e retiram 24 toneladas de lixo do Rio Cuiabá




Centenas de pessoas se mobilizaram na manhã deste sábado (04-06-16) em uma grande ação que retirou do Rio Cuiabá em torno de 24 toneladas de lixo. O evento, denominado Amigos do Rio Cuiabá, começou com a concentração a partir das 7h na Praça Luís de Albuquerque e teve a participação do prefeito Mauro Mendes e do vice-governador e secretário de Estado de Meio Ambiente, Carlos Fávaro, juntamente com secretários municipais de Cuiabá e de Várzea Grande e de representantes de diversas entidades.

O evento foi uma iniciativa do deputado estadual Wanclei Carvalho (PV) que há 17 anos participa do movimento Amigos do Rio Guaporé, em Pontes e Lacerda, e resolveu propor também uma grande mobilização em torno do Rio Cuiabá. 

A largada da ação foi marcada pelo grito de guerra “Lixo no chão, não”. Os grupos seguiram tanto por barco (cerca de 30 embarcações), como por terra, nas margens do rio. Para facilitar a coleta do material que era recolhido pelos voluntários, foram montados postos no Carrapicho e na Alameda, em Várzea Grande; e, em Cuiabá, na Praça Luís de Albuquerque, no Praeirinho e na Comunidade São Gonçalo Beiro Rio.

No lado de Várzea Grande, em um trecho de cerca de dois quilômetros, foram recolhidas duas toneladas de lixo. No lado de Cuiabá, da Praça Luís de Albuquerque, próximo a Ponte Júlio Muller, em um percurso de cinco quilômetros até o São Gonçalo Beira Rio, foram retiradas 20 toneladas de lixo. 

O prefeito Mauro Mendes elogiou a iniciativa dos Amigos do Rio Cuiabá e disse que a ação merece o apoio não só do Poder Público, mas de toda a sociedade. Ele aproveitou para destacar o resgate do Bairro do Porto, com as obras que estão sendo feitas na orla do Rio Cuiabá em um trecho de 1.300 metros e que incluirá a recuperação das praças do local, como a Luís de Albuquerque.

”Quando o Porto Cuiabá estiver concluído, será motivo de orgulho não só para os cuiabanos, mas para todos os mato-grossenses e turistas que vierem aqui visitar este espaço, que servirá para o lazer da população. E esta obra, que terá um espaço para a contemplação do rio, ajuda a resgatar o orgulho da população em utilizar o rio, por isso é importante essa ação de preservação do Rio Cuiabá”, salientou o prefeito.

De acordo com o diretor de Resíduos Sólidos da Secretaria de Serviços Urbanos, o ambientalista Abel Nascimento, a metade das 20 toneladas de lixo retirada no lado de Cuiabá é reciclável e deve gerar recursos para as cooperativas. “São cinco mil reais jogados no lixo, já que cada         tonelada de material reciclado pode gerar um lucro de 500 reais”, disse Abel, se referindo às 10 toneladas recolhidas que podem ser aproveitadas, como garrafas PET, vidro, papelão, plástico e sucatas. “As pessoas tem que separar o material e mandar para as cooperativas, pois gera lucro”, complementou.

No São Gonçalo Beira Rio, um lugar tradicional que concentra várias restaurantes e peixarias, foi montado um ponto de coleta do material reciclado que foi retirado das margens e do rio. Abel disse que o trabalho de monitoramento e de conscientização continua. 


0 comentários:

Postar um comentário