terça-feira, março 07, 2017

Complexo do Tijucal foi liberado ao trafego nesta terça-feira



O governador Pedro Taques participou de solenidade realizada na manhã desta terça-feira que liberou o acesso a trincheira do Tijucal, que compõe complexo viário “Deputado Walter Rabello”. Após três meses de trabalho intenso, a estrutura completa foi entregue à população e aberta ao tráfego.

No total, o empreendimento apresentou custo final de R$ 33,2 milhões.

O Complexo do Tijucal, como é conhecido, faz parte dos Termos de Ajustamento de Gestão (TAGs) assinados no fim de 2015 pelo Governo de Mato Grosso, via Secretaria das Cidades, empresas e o Tribunal de Contas do Estado (TCE) para finalizar as obras da Copa. A obra em questão é o décimo contrato previsto no termo a ser concluído.

Os trabalhos na entrada do bairro Tijucal foram retomados no início de dezembro do ano passado depois de gestão do secretário Wilson Santos, que, por determinação do governador Pedro Taques, tomou como prioridade a conclusão das obras idealizadas para a Copa do Mundo, da qual Cuiabá foi sede em 2014. 

A obra do complexo viário estava na reta final, com 78% dos serviços concluídos. Na última fase, foram realizados trabalhos de drenagem, pavimentação, sinalização na parte interna da trincheira que compreende o empreendimento, bem como o paisagismo.

O governador Pedro Taques (PSDB) declarou que está empenhado em concluir as demais obras da Copa do Mundo. O tucano disse que muitos serviços foram refeitos em razão da precariedade em que a obra foi entregue pelo seu antecessor, o ex-governador Silval Barbosa (PMDB). “Nós trabalhamos para entregar obras de qualidade. Muitas pessoas se perguntam porque muitas obras estão demorando. É porque diferente do passado nós estamos exigindo que seja devidamente entregue a população com qualidade e sem a necessidade urgente de reparos”.

A estrutura integra uma trincheira de 740 metros de extensão entre a BR-364 até a avenida Archimedes Pereira Lima, e um viaduto de 520 metros de extensão, que liga a BR-364, passando pelo trevo de acesso do bairro Tijucal, até a avenida Fernando Corrêa da Costa.

Para se ter uma ideia, chegam a circular pela região do complexo, no Coxipó, cerca de 8 mil veículos por hora, em momentos de pico. “Complexo viário é o mais movimentado da cidade e por isso sua importância”, disse o secretário Wilson Santos.



Click aqui para ler  notícias da primeira página

0 comentários:

Postar um comentário