domingo, abril 23, 2017

Brasil perde 63 mil postos de emprego formal em março


Depois de gerar empregos em fevereiro, a economia brasileira voltou a demitir mais do que contratar em março. No mês passado as demissões superaram as contratações em 63.624 vagas. As informações são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).
A redução das 63.624 vagas de emprego é resultado de 1.251.332 admissões e de 1.324.956 demissões em março. No acumulado do primeiro trimestre de 2017, o país registrou o fechamento de 64.378 postos de trabalho.

No mês de fevereiro, após 22 meses de queda no número de postos de trabalho formal, o Brasil voltou a gerar emprego, com um saldo de 35.612 novos postos de trabalho com carteira assinada.

Click aqui para ler  notícias da primeira página

0 comentários:

Postar um comentário