quinta-feira, abril 20, 2017

Procurador da AL preso por tentar matar garota de programa já está em liberdade


O procurador da Assembleia Legislativa Benedito Cesar Correa de Carvalho, de 46 anos, acusado de tentar matar a facadas uma garota de programa em seu apartamento no bairro Araés, já está em liberdade.

Benedito tinha sido preso em flagrante na madrugada de quarta-feira (19-04-17) pela Polícia Militar. Ele assinou um TCO (Termo Circunstanciado de Ocorrência) e irá responder por uso de drogas e resistência à prisão.

Benedito Correa teria solicitado um programa com a garota e após consumir cocaína, teria ficado agressivo e tentou matar L.M.A., de 22 anos com uma faca. A jovem se trancou na cozinha e acionou a Polícia Militar. Ao chegarem ao prédio, os policias ouviram gritos de socorro vindo do apartamento. Eles arrombaram a porta e encontraram o acusado com uma faca na mão. Mesmo recebendo ordem de prisão, o advogado reagiu dizendo que não seria preso. Os policiais fizeram o uso de força e o prenderam em flagrante.

A presidência da Assembleia Legislativa informou através de assessoria de imprensa que uma sindicância será aberta para apurar a conduta do procurador. Essa não é a primeira vez que Benedito Correa se envolve em caso de violência contra mulher. Contra ele, já existia uma acusação de ameaça contra duas garotas de programa dentro de um motel, em Chapada dos Guimarães.


Como se vê, um grande machão de cozinha.... 


Click aqui para ler  notícias da primeira página

0 comentários:

Postar um comentário