sábado, maio 27, 2017

Bairro Novo Paraíso recebe ação de limpeza neste sábado


O planejamento de limpeza da cidade, elaborado no início deste ano e que visa não só proporcionar a retirada do lixo dos bairros, mas também colaborar no combate do alto índice de incidência do mosquito Aedes aegypti, continua neste final de semana. A Secretaria Municipal de Serviços Urbanos irá levar, neste sábado (27-05-17), até o bairro Novo Paraíso mais uma edição do projeto “Mutirão da Limpeza”.
Conforme o dados Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa), divulgados na última semana, o bairro, localizado na Região Norte da cidade, se encontra entre aqueles que apresentaram risco médio de infestação. Além dele, os bairros João Bosco Pinheiro, Tancredo Neves, Jamil B. Nadaf, CPA III e IV, situados na mesma região, também estão em igual situação.
“Para este sábado, além de todo aparato humano, contando com cerca de 200 servidores, estaremos disponibilizando também mais 20 caminhões e uma pá carregadeira, que auxiliam na eliminação dos depósitos irregulares de lixo, que possivelmente possam ser encontrados no bairro. Tudo isso é feito para que realmente consigamos fazer um trabalho eficiente, proporcionando uma melhor qualidade de vida aos moradores”, explicou o secretário José Roberto Stopa.
O Mutirão da Limpeza a cada fim de semana percorre um bairro diferente prestando os serviços de limpeza das ruas, troca de lâmpadas, retirada de bolsões de lixos e podas de árvores e arbustos. A grande ação é ainda uma oportunidade para que os moradores dos locais contemplados consigam fazer o descarte correto de objetos que não têm mais utilidade, por meio do “cata cacareco”.
“É extremamente importante que haja essa colaboração da sociedade. Sempre orientamos antecipadamente que os moradores façam a limpeza em seus quintais, identificando aquele grandes objetos que já não são uteis, como televisão, sofá, e outros cacarecos, e deixe-os separados para que nossa equipe possa coletar e dar a destinação correta aos resíduos”, comentou o Stopa.
LIRAa
O LIRAa é um estudo realizado quatro vezes ao ano pelo Centro de Controle de Zoonoses, no intuito de medir o índice de infestação em períodos de chuva, estiagem e transição, é identificar as áreas da cidade com maior proporção/ocorrência de focos do mosquito e os criadouros predominantes.
O Programa Nacional de Controle da Dengue define que no LIRAa os bairros que apresentam índices de infestação predial inferiores a 1% estão em condições satisfatórias; de 1% a 3,9% estão em situação de alerta; e superiores a 4% estão com risco de epidemia de dengue.

Confira aqui o Alerta de Risco  para Transmissão de Dengue, Chikungunya e Zika.


0 comentários:

Postar um comentário