terça-feira, maio 30, 2017

Irmão de Suzane é internado após ser encontrado na Cracolândia


A política de remoção de usuários de drogas da Cracolândia tem causado polêmica, mas um dos dependentes que foram encaminhados para os hospitais de São Paulo deu um susto nos profissionais que atuam na região e tudo por causa de seu sobrenome: von Richthofen. Na madrugada desta terça-feira, dia 30, Andreas Albert von Richthofen, único irmão de Suzane von Richthofem, condenada pelo assassinato dos próprios pais, foi encontrado por policiais militares naquela região, quando tentava pular o portão de uma casa que dizia ser de um parente, segundo informações do jornal O Globo.
Desorientado e agressivo, de acordo com os agentes que o atenderam, o jovem foi encaminhado para o Hospital do Campo Limpo, na zona sul da cidade. Ele chegou ao local em estado deplorável. Sujo, com cabelos compridos e roupas esfarrapadas, além de inúmeros ferimentos pelo corpo.
Atendido por uma psiquiatra de plantão, Andreas tentou se jogar da maca quando soube que ficaria internado. O rapaz que completará 30 anos em julho, recebeu um cartão do Sistema Único de Saúde. Na época do crime, ele tinha apenas 15 anos.
No prontuário médico, a doutora que o atendeu diz que seus sintomas eram condizentes com o “abuso de substâncias ilícitas”. Sua única preocupação no momento da internação era uma medalhinha dourada em que se lia seu sobrenome. Limpo e medicado com tranquilizantes, o jovem foi colocado sozinho em um quarto, por discrição.
A assistência social do hospital localizou um tio do rapaz, que havia garantido que compareceria ao local. A previsão é que Andreas seja transferido para uma casa de tratamento de usuários de droga, mas a mudança depende do acompanhamento de um familiar.
O rapaz é o único herdeiro do casal Manfred e Marisia von Richthofen, uma vez que sua irmã está presa e foi deserdada. Suzane já demonstrou interesse em se reaproximar do irmão, mas isso ainda não aconteceu.


Yahoo Notícias

0 comentários:

Postar um comentário