sexta-feira, junho 09, 2017

Ação em parceria com TCE aprimora controle social em Várzea Grande


Conselheiros de políticas públicas e temáticas, ouvidores, controladores internos e representantes do Comitê Gestor do Programa de Desenvolvimento Institucional Integrado (PDI) da Prefeitura de Várzea Grande participam no próximo dia 14 de junho, a partir das 8h, no auditório da Secretaria Municipal de Defesa Social - Avenida Feb, nº 2051, bairro Ponte Nova - da oficina de capacitação promovida pelo Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (TCE-MT) “Incentivo ao Acesso à Informação e à Consciência Cidadã”.
O objetivo da oficina é de estimular a participação dos Conselhos de Políticas Públicas no processo de elaboração do Plano Estratégico de Várzea Grande, bem como a transparência das informações nos órgãos públicos. “Iremos identificar as demandas da sociedade em relação às políticas públicas através dos conselheiros e estabelecer uma meta, a qual norteará na prática o trabalho desses conselheiros junto ao cidadão. Também precisamos estimular a compreensão do exercício do controle social sobre os recursos públicos e estreitar as relações necessárias e legais deste controle com os demais agentes de controle interno e externo”, explicou o secretário municipal de Planejamento, Edson Roberto da Silva.
A capacitação possibilita também fortalecer os Conselhos Tutelares o que contribuirá para a eficácia do exercício de suas atribuições em defesa da sociedade. “Durante o evento, os conselheiros de políticas públicas são incentivados a exercerem o controle social, propondo demandas da sociedade em relação às áreas de atuação, que devem ser inseridas no Planejamento Estratégico. O diferencial desta oficina é que todos os Conselhos debatem transversalmente os assuntos inerentes à sua área. Eles são protagonistas das ações ao definirem em nome da sociedade as demandas prioritárias, que devem integrar o Planejamento Estratégico de Várzea Grande”, acrescentou Edson da Silva.
Dentro do Programa de Desenvolvimento Institucional Integrado (PDI), Várzea Grande possui cinco eixos e o que remete ao “Incentivo de Acesso à Informação e à Consciência Cidadã” sendo o eixo 2. “Essencialmente, durante essa capacitação, os conselheiros devem apontar tudo o que a comunidade precisa. O amadurecimento dos Conselhos de Políticas Públicas produz bons resultados, principalmente porque esses conselheiros estão mais próximos da sociedade e podem fazer essa ponte com os gestores públicos e o Tribunal de Contas do Estado. Queremos uma sociedade cada vez mais apta a exercer o controle social das contas públicas e conselhos, contribuindo na elaboração das peças orçamentárias (Plano Plurianual, Lei Orçamentária Anual, Lei de Diretrizes Orçamentárias) e dos planos municipais, participando das audiências públicas, assim como acompanhando e fiscalizando a execução dos atos administrativos e aplicação dos recursos públicos”, completou o secretário.
O PDI - O Programa de Desenvolvimento Institucional Integrado tem a finalidade de contribuir para a melhoria da qualidade dos resultados da gestão, em benefício da sociedade. O PDI foi concebido a partir de cinco projetos interligados: Projeto 1 – Apoio ao Planejamento Estratégico; Projeto 2 – Incentivo ao Acesso à Informação e à Consciência Cidadã; Projeto 3 – Orientação por meio de Cursos Presenciais e à Distância; Projeto 4 – Controle Gerencial utilizando o sistema Geo-Obras; Projeto 5 – Modernização Institucional.

Em Várzea Grande, além da sociedade civil organizada, participam os conselhos da Criança e do Adolescente, do Idoso, de Assistência Social, da Mulher, Tutelares, Saúde, Meio Ambiente, Educação, Cultura, Defesa do Consumidor e Fundo de Habitação.

0 comentários:

Postar um comentário