segunda-feira, junho 26, 2017

Veja quem são os 10 jogadores mais velhos do Brasileirão 2017 série A


Entre os 10 jogadores com mais idade e jogando na série A do Campeonato Brasileiro de Futebol 2017, 08 estão com 38 anos, 01 com 40 e o mais velho com 42 anos.

Esses jogadores, apesar da idade, ou são titulares em suas equipes, ou jogam com bastante frequência. A maioria compõem a turma de titulares.

Confira:

Léo Moura (Grêmio) – 38 anos
Campeão brasileiro pelo Flamengo em 2009, Léo Moura é um dos jogadores mais “rodados” da competição. Ele chegou ao Grêmio neste ano após uma temporada pelo Santa Cruz. O lateral, que completa 39 anos em outubro, adotou estilo mais versátil sob o comando de Renato Gaúcho e tem sido peça importante na campanha do Tricolor até aqui.

Leonardo Silva (Atlético-MG) – 38 anos – Aos 38 anos, o zagueiro Leonardo Silva disputa a sétima temporada consecutiva pelo Atlético-MG. Capitão e um dos principais nomes da história recente do clube, o defensor soma diversas conquistas pelo Galo – incluindo a Libertadores de 2013 –, mas não conta com o Campeonato Brasileiro na galeria de títulos. O jejum do Atlético na competição já dura 45 anos, e o veterano é uma das apostas do torcedor para encerrar a sequência.

Juan (Flamengo) – 38 anos
Com passagem pela Alemanha, Itália e seleção brasileira, Juan é um dos jogadores mais experientes da competição. Aos 38 anos, o zagueiro é um dos líderes do elenco do Flamengo na atual temporada e tenta ajudar a equipe a brigar pelo título nacional, que foi conquistado pela última vez em 2009.

Grafite (Atlético-PR) – 38 anos
Após defender o Santa Cruz em 2016, o atacante Grafite se transferiu para o Atlético-PR na atual temporada e é um dos jogadores mais experientes do elenco comandado pelo técnico Eduardo Baptista. Com passagem pelo futebol alemão e seleção brasileira, o veterano é aposta de gols do Furacão mesmo aos 38 anos.

Renato (Santos) – 38 anos
Bicampeão brasileiro pelo Santos em 2002 e 2004, o volante Renato segue atuando em alto nível mesmo aos 38 anos. O jogador tem sido um dos pilares do time da Vila Belmiro nos últimos anos, e forma boa dupla ao lado do jovem Thiago Maia. Com estilo de jogo simples e eficiente, o veterano tem lugar assegurado na equipe.

Zé Roberto (Palmeiras) – 42 anos
Zé Roberto é o jogador mais velho em atividade no Campeonato Brasileiro. Aos 42 anos, o jogador é um dos líderes do Palmeiras na temporada e tenta ajudar o clube a repetir a conquista da temporada passada. Em sua 24ª temporada como profissional – somando passagens por Real Madrid, Bayern de Munique e seleção brasileira –, o veterano já indicou que deve se aposentar no fim do ano.


Danilo (Corinthians) – 38 anos
Em fase final de recuperação de grave fratura na perna direita, o meia Danilo ainda não tem data para retornar aos gramados – a última vez que ele entrou em campo foi em agosto do ano passado. Aos 38 anos, o veterano soma três conquistas de Brasileirão no currículo (duas pelo Corinthians e uma pelo São Paulo), e tem contrato com o clube do Parque São Jorge até o final da temporada.
Emerson Sheik (Ponte Preta) – 38 anos


Três vezes campeão brasileiro, Emerson Sheik se transferiu para a Ponte Preta nesta temporada após saída conturbada do Flamengo. Com currículo vitorioso, o atacante é uma das referências do time de Campinas na atual edição da competição nacional. Ele completa 39 anos em dezembro.
Magrão (Sport) – 40 anos


Aos 40 anos, o goleiro Magrão defende a meta do Sport desde 2005 e já ultrapassou a marca de 600 jogos com a camisa do clube. Um dos principais nomes da história do Leão – campeão da Copa do Brasil de 2008 –, o arqueiro é também um dos jogadores mais velhos na atual edição do Campeonato Brasileiro. (Gazeta Press)

Fernando Prass (Palmeiras) – 38 anos
Prestes a completar 39 anos, Fernando Prass segue como titular absoluto e um dos principais nomes do elenco do Palmeiras. O goleiro defende a meta do Alviverde desde 2013, e foi um dos destaques nas conquistas recentes do clube. Experiente, ele busca o bicampeonato brasileiro com o time do Palestra Itália.

0 comentários:

Postar um comentário