terça-feira, agosto 15, 2017

Tribunal Regional do Trabalho da Bahia quer pagar empresa para dar aulas de corrida


Num momento em que o país todo discute a necessidade de diminuir gastos, o Tribunal Regional do Trabalho, na Bahia, abriu uma licitação para contratar uma empresa que vai dar aulas de corrida e caminhada a magistrados e servidores.
A empresa que vencer a licitação também vai dar orientação técnica a magistrados e servidores que aceitarem participar da Olimpíada Anual da Justiça do Trabalho e oferecer guia para deficientes visuais nos treinamentos, segundo reportagem do Jornal Nacional.
O contrato vai custar até R$ 196 mil por ano e pode ser prorrogado por mais cinco.  O serviço estará disponível a todos os funcionários do tribunal, incluindo juízes e desembargadores cujos salários são de R$ 27.500 e a partir de R$ 30 mil, respectivamente.

O tribunal justifica que o objetivo é melhorar a qualidade de vida dos funcionários e, dessa forma, diminuir gastos com problemas de saúde e afastamentos.
 

0 comentários:

Postar um comentário