quinta-feira, agosto 17, 2017

Várzea Grande conclui 1ª etapa do PAC em seis bairros e contempla 25 mil pessoas


Com mais de R$ 41 milhões de recursos federais, municipais e estaduais em execução dentro do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC, Várzea Grande inaugura a primeiras obras nesta sexta-feira (18-08-17). Essas obras que somam R$ 10,5 milhões foram lançadas no final do ano de 2015 e a execução das mesmas abriu perspectivas para que novos investimentos fossem lançados para atender a mais pessoas, em valores de R$ 168 milhões autorizados pelo Ministério das Cidades e pela Prefeitura de Várzea Grande. 

Os resultados serão apresentados em solenidade que será realizada às 19h, Rua Montevidéu esquina com Rua Santa Laura, Jardim das Oliveiras (em frente ao bar e mercearia do Cajueiro – fundos do Aeroporto Marechal Rondon).

Serão inauguradas as obras de pavimentação asfáltica, esgotamento sanitário, drenagem e de sinalização viária dos bairros Altos do Boa Vista, Parque São João, Dom Diego, Jardim das Oliveiras, Jardim Ipanema e Loteamento Beira Rio. Algumas ruas, como a Vilhena, no Altos do Boa Vista, estavam completamente intransitáveis há quase uma década. Em outras ruas do Dom Diego e do Jardim Ipanema, a precariedade das vias impedia que o transporte coletivo atendesse aos moradores. Depois de anos, os moradores dessas localidades vão passar a primeira temporada de estiagem livres da poeira e vão entrar no período chuvoso, sem lama.

Mesmo com o PAC em andamento no Grande Parque do Lago, a prefeitura deu início a segunda fase do Programa, que simultaneamente, passou a contemplar, com outros R$ 10 milhões em obras, os bairros Frutal de Minas, Jardim Ikaray e Nova Era, locais que já possuem ruas com asfalto, sinalizadas e com o serviço de esgotamento sanitário funcionando em razão da evolução dos trabalhos. Juntas, essas obras em pleno andamento estão injetando pouco mais de R$ 41 milhões em investimentos na melhoria da qualidade de vida e da valorização imobiliária dessas regiões, ao garantir serviços essenciais.

A terceira fase do PAC já foi lançada, no mês passado, e prevê o maior volume de investimentos até o momento: R$ 168 milhões. As cifras serão aplicadas em obras de esgotamento sanitário e ampliação do sistema de abastecimento de água, das sub-bacias 2 e 5, impactando positivamente na realidade de moradores de 49 bairros.


 

0 comentários:

Postar um comentário