segunda-feira, agosto 28, 2017

Vereador quer CPI para investigar conduta de Emanuel e convida para manifestação nesta terça-feira


A partir das 7h30 desta terça-feira (29-08-17) será realizada uma manifestação popular em frente à Câmara de Vereadores de Cuiabá, cm objetivo de manifestar a indignação da população contra o prefeito da capital que foi mostrado em gravação de vídeo recebendo propina do ex-governador Silval Barbosa (PMDB), apontado como sendo o chefe de uma verdadeira quadrilha que  usurpou dos cofres públicos.

O vereador Felipe Wellaton (PV) é um dos que estão articulando a manifestação e também a instalação de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar as acusações contra o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (PMDB).

O vereador chegou a postar um vídeo na sua página no Facebook, com clamando a população a se manifestar. Clique Aqui e assista o vídeo com as imagens intercaladas com o recebimento dos pacotes de dinheiro.


Segundo Wellaton, vários movimentos organizados e sindicatos já confirmaram presença no ato em frente à Câmara, entre eles o Muda Brasil, o Sobrou Pra Você e o Movimento Brasil Livre.

Wellaton diz que  conta quatro assinaturas para a instalação da CPI: Marcelo Bussiki (PSB), Sargento Joelson (PSC), Diego Guimarães (PP) e Abilio Júnior (PSC), além deles, outros três parlamentares devem anunciar, ainda nesta tarde, apoio", disse.

Wellaton explicou que o requerimento está sendo confeccionado pelas assessorias jurídicas de três vereadores. "Vamos, inclusive, usar trechos da delação premiada do ex-governador Silval na fundamentação do pedido da CPI. O vídeo não é apenas uma gravação, é uma prova usada em uma delação homologada pelo STF, e cujo sigilo foi quebrado", afirmou.


 

0 comentários:

Postar um comentário