quinta-feira, setembro 28, 2017

Pedro Taques pede e STJ autoriza inquérito para investiga-lo sobre responsabilidades na “grampolândia”


A tendendo solicitação feita pelo próprio governador, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) autorizou abertura de um inquérito para investigar Pedro Taques (PSDB), por causa do esquema das escutas telefônicas clandestinas conhecido como “grampolândia pantaneira”.
Ele disse, através de sua conta no Facebook, na noite de ontem (quarta-feira 27-09-17), que pediu para ser investigado diante da proporção que o caso ganhou com prisões de secretários de Estado e ex-integrantes do staff de Taques.

Veja a integra da postagem:
O Superior Tribunal de Justiça transformou em inquérito uma sindicância já  instaurada para investigar o governador a fim de identificar se ele está ou não envolvido no esquema das escutas clandestinas na modalidade "barriga de aluguel". O esquema, operado por um núcleo da Polícia Militar foi denunciado em maio deste ano em rede nacional de televisão pelo ex-secretário de Segurança e promotor de Justiça, Mauro Zaque. 
O pedido de Taques foi protocolado no STJ na última segunda-feira (25-09-17) e acatado nesta quarta-feira (27-09-17). 
 

0 comentários:

Postar um comentário