terça-feira, outubro 17, 2017

Senado suspende decisão do STF que afastava Aécio Neves


Por 44 votos a 26, o Senado decidiu na noite desta terça-feira (17-10-17), suspender a decisão que afastava Aécio de suas funções parlamentares. A votação, aberta no final da tarde, foi aberta e nominal.
Com a rejeição das medidas cautelares, o senador retoma suas atividades e não será obrigado a se recolher durante a noite e não deverá ter seu passaporte retido. Para chegar ao resultado final era necessário o mínimo de 41 votos. Caso não se atingisse o número, a votação seria refeita.
Depois de delações de executivos da J&F, a Procuradoria Geral da República denunciou Aécio Neves pelos crimes de obstrução de justiça e organização criminosa. O senador nega as acusações.

0 comentários:

Postar um comentário