sábado, novembro 11, 2017

Paulo Borges assume o PSDB em Mato Grosso e diz que a meta é manter Pedro Taques no partido


O advogado e ex-vereador de Cuiabá Paulo Borges assumiu na noite desta sexta-feira a presidência estadual do PSDB, após ser aclamado como candidato único.

Borges disse que vai trabalhar intensamente para manter o governador Pedro Taques nas fileiras do partido. Ele assumi em lugar do deputado federal  Nilson Leitão, que presidiu o partido durante seis anos e não vinha mantendo um bom relacionamento com o governador.

Taques e Leitão não vinham se bicando porque o intensão do deputado em disputar uma vaga no senado estaria dificultando as amarrações do governador  na busca pela sua reeleição. Com duas candidaturas majoritárias, o  PSDB não encontrarias parceiros para fortalecer suas pretensões aos cargos. Em razão disso, o governador passou a cogitar a hipótese de deixar o PSDB.

Na votação desta sexta-feira, na sede do PSDB, no bairro Santa Rosa, estiveram presentes representantes de 25 municípios mato-grossenses. Todos os votantes aprovaram a eleição do ex-parlamentar, candidato único.

O novo presidente da legenda afirmou não ter conhecimento sobre a possível saída de Taques e disse irá esperar o governador retornar da Ásia e da Europa, onde cumpre missão oficial, para que possa tratar sobre assuntos partidários com o chefe do Executivo estadual. “Não sei de nenhuma reclamação do governador, irei aguardar o seu retorno. Também não tenho conhecimento dessa rusga. Mas, são duas das maiores lideranças do PSDB e acredito que seja questão de diálogo”, completou.

Borges revelou que uma das estratégias de sua gestão será exercer constante diálogo entre os filiados.

Paulo Borges revelou que um de seus principais objetivos ao assumir a legenda estadual é fortalecer o PSDB para as eleições do próximo ano.

“Vamos trabalhar na construção da unidade do partido, para que ele possa sair mais fortalecido no processo eleitoral de 2018. A nossa intenção é aumentar números de parlamentares na Assembleia Legislativa e na Câmara Federal”, disse

A votação foi encerrada por volta das 20h30. Posteriormente, a urna foi recolhida, os votos foram contados e Borges foi anunciado como novo presidente do PSDB.




0 comentários:

Postar um comentário