sexta-feira, dezembro 01, 2017

Pedro Taques diz que sem o recebimento do FEX terá dificuldades de pagar salários


A notícia que não deve ter agradado ao servidor público do estado, foi dada durante entrevista, na manhã desta sexta-feira (01-12-17) ao programa Tribuna na Rádio Vila Real. Ele ressaltou que, para fechar o ano com salários e dívidas quitadas os recursos precisam chegar ainda este ano.
- Chamado de Auxílio Financeiro para Fomento às Exportações (FEX), o repasse foi criado pela União para compensar os estados pelas perdas com a Lei Kandir, que desonerou de ICMS (Imposto sobre Comércio e Produtos) a exportação de produtos primários e semi-elaborados.
"Sem o FEX teremos dificuldade de pagar o salário deste mês. Estamos buscando outras possibilidades para saldar os salários e a dívida com os poderes", disse o governador durante a entrevista.

Com a falta de recursos em caixa o governo vem atrasando além dos salários o repasse do duodécimo aos poderes como Assembleia Legislativa, Tribunal de Justiça de Mato Grosso, Tribunal de Contas do Estado, Defensoria Pública. A Assembleia Legislativa não conseguiu fazer o pagamento dos servidores do Parlamento por falta dos recursos do duodécimo. Taques disse que ainda hoje fará o repasse de R$ 20 milhões.

0 comentários:

Postar um comentário