segunda-feira, dezembro 04, 2017

Várzea Grande serviu mais de 8 milhões de refeições escolares


Várzea Grande ofertou aos 27 mil alunos da rede pública municipal de ensino mais de 8 milhões de refeições durante o ano letivo de 2017. Estes números contemplam também as crianças que frequentam os Centros Municipais de Educação Infantil - CMEIs ou as antigas creches.
Essa é uma das muitas ações executadas no setor educacional durante o ano de 2017 na Educação da segunda maior cidade de Mato Grosso que executou um orçamento neste ano em valores de R$ 181 milhões e projeta para 2018 um incremento que vai elevar as receitas da educação pública para R$ 207 milhões.
“O que nos estimula a continuar investindo acima dos limites previstos na legislação é que estamos colhendo resultados após dois anos de intenso trabalho”, disse a prefeita Lucimar Sacre de Campos ao receber a visita da equipe técnica do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).
Essa equipe de técnicos, por meio da coordenação de Monitoramento e Avaliação e do Programa Nacional de Alimentação Escolar do Ministério da Educação (MEC) fez avaliação nutricional em 10 unidades escolares, da Rede Municipal de Ensino de Várzea Grande. O monitoramento é uma proposta inédita no país e visa promover a saúde e prevenir doenças crônicas não transmissíveis, bem como gerar subsídios para as políticas na área de Segurança Alimentar e Nutricional, especialmente na alimentação escolar.
Ao todo a Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer de Várzea Grande entrega 40.044 refeições diárias, 200.220 mil semanais e 800.880 mil mensais e que somadas em 10 meses do período do ano letivo representam 8 milhões, oito mil e 800 refeições distribuídas gratuitamente para a população escolar.

 
 

0 comentários:

Postar um comentário