quinta-feira, fevereiro 15, 2018

Ministério Público Estadual investiga Unic sobre possível superfatura de mensalidades do Fies


A Universidade de Cuiabá (Unic) esta sendo investigada pelo Ministério Público Estadual (MPE) pela suposta prática abusiva em aumentar a mensalidade dos estudantes inscritos no Programa de Financiamento Estudantil (Fies).

O MPE instaurou inquérito civil para investigar a Unic através de portaria assinada pelo promotor do Núcleo de Defesa da Cidadania da Capital, Ezequiel Borges de Campos. A medida foi tomada após denúncias de que a universidade repassou aos estudantes os valores acima do montante atribuído ao semestre.

Desse modo, os alunos estariam pagando o valor da mensalidade maior do que de fato é cobrada dos alunos que não se utilizam do financiamento. Além da suposta prática abusiva, ainda segundo a portaria, a universidade não apresentou informação documentada sobre os créditos decorrentes de tais operações.
Por isso, foi solicitado o envio de notificação à Unic sobre o inquérito instaurado, bem como o requerimento para que a universidade preste informações e documentos requisitados a fim de elucidar o caso.
A Unic ,por meio de nota, informou que ainda não foi notificada pelo Ministério Público Estadual (MPE) sobre o caso e está à disposição das autoridades para contribuir com esclarecimentos.

0 comentários:

Postar um comentário