quarta-feira, fevereiro 21, 2018

Pastoral do Migrante vai receber 100 refugiados venezuelanos em Cuiabá


A Pastoral do Migrante em Cuiabá, que há 27 anos acolhe os que chegam em busca de uma ajuda humanitária e não possuem lugar para ficar ou até mesmo o que comer, vai receber, a partir da próxima semana, 100 venezuelanos. A casa diz que atende  a um pedido da Organização das Nações Unidas (ONU).
O pedido foi feito para amenizar a situação preocupante provocada pelo elevado número de venezuelanos que cruzam yodos os dias a fronteira pelo estado de Roraima para fugir da fome, da crise econômica, da falta de emprego e da instabilidade política do país.
O diretor da Pastoral do Migrante, padre Pedro Freitas Rodrigues, disse que a ONU fez o pedido na semana passada e os venezuelanos que virão para a capital estão na cidade de Boa Vista. Atualmente, na Pastoral estão abrigados 29 haitianos e três venezuelanos.
O padre Pedro disse que a casa possui 70 leitos, mas um esforço será feito, contando com a ajuda de doações para abrigar o restante. Na casa, que é referência entre os estrangeiros, quem chega pode ficar por 45 dias, podendo ser estendido conforme a necessidade de cada um. Nesse tempo as pessoas alojadas recebem alimentação, lugar para dormir, além de roupas, sapatos, orientações e ajuda com documentação, além de, na maioria das vezes, conseguirem também um encaminhamento para um emprego.
A Pastoral do Migrante depende muito das doações , principalmente agora, para acolher os 100 venezuelanos. As principais necessidades são de colchões, móveis, roupas, sapatos, lençol, toalhas, materiais de limpeza e alimentação.
Padre Pedro disse que as doações podem ser entregues na Paróquia Divino Espírito Santo, que fica no bairro CPA 1, em Cuiabá, bem em frente ao terminal de ônibus e também na própria Pastoral do Migrante, no bairro Carumbé- Av. Gonçalo Antunes de Barros, 2785, antiga Jurumirim.

Mais informações de como ajudar podem ser obtidas pelo telefones 3641-1451 e 3641-2413. 

0 comentários:

Postar um comentário