segunda-feira, março 19, 2018

Começou período de cadastro para comercializar pescado no “Peixe Santo”


Começou hoje (segunda-feira 19-03-18) e vai até amanhã (terça-feira 20-03-18) o cadastramento dos piscicultores e vendedores que vão trabalhar durante a 27ª edição do Programa Peixe Santo, que este ano vem com o tema, “Xômano! Nosso peixe é digoreste, fresco e gostoso!”.
O cadastramento é feito na sede da Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico que fica na Travessa Celso Luiz de Almeida, nº 11, Poção. O horário de atendimento é das 8h às 17h.
Para efetuar o cadastro os vendedores e piscicultores devem comparecer à Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico com o certificado do curso de “Boas Práticas de Manipulação do Pescado” e também dos cursos feitos em 2017. Além disso, os interessados devem levar cópias dos documentos pessoais  - RG e CPF -, cópia do comprovante de endereço, da carteirinha  Sanitária e da Licença de Despesca, fornecida Instituto de Defesa Agropecuária (Indea-MT) .
Este ano cada regional terá o apoio de equipes multifuncionais compostas por dois Policiais Militares, um Fiscal da Vigilância Sanitária, um Fiscal da Ordem Pública, acompanhados por um servidor da Secretaria de Agricultura Trabalho e Desenvolvimento Econômico.
A 27ª edição do Peixe Santo terá 30 pontos de vendas, e o período de comercialização será nos dias 28, 29 e 30 de março. O valor do quilo do pescado será de R$ 19,00 para o peixe de couro (Pintado). Já para os peixes redondos, como o Pacu e a Tabatinga, o valor será de R$ 12,50 kg com espinhas. E o peixe limpo e sem espinhas vai custar R$ 14,00 kg. 

0 comentários:

Postar um comentário