quarta-feira, março 28, 2018

Operação Panópticos põe na cadeia membros do Comando Vermelho


A Polícia Militar e a Polícia Civil cumprem na manhã desta quarta-feira (28-03-18), 10 mandados judiciais contra membros da facção criminosa Comando Vermelho. De acordo com a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), do total de mandados seis são de busca e apreensão e quatro de prisão. A ação faz parte da Operação Panópticos, que visa combater o crime organizado na Capital.
Entre os bairros que são alvos estão: Jardim Vitória, Florianópolis, Doutor Fábio, Jardim Brasil, Novo Paraiso, em Cuiabá.
Quatro pessoas foram conduzidas à Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), que coordena os trabalhos, com apoio operacional, da Polícia Militar, do Centro Integrado de Operações Aéreas (CIOPaer) e policiais civis da Diretoria de Inteligência, Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE).
A operação tem caráter preventivo e busca coletar dados sobre a facção criminosa que atua dentro e fora dos presídios, na prática de diversos crimes como tráfico de drogas, crimes patrimoniais (roubos e furtos em residências, comércios e veículos), homicídios, explosão de caixas eletrônicos e outros.
Os presos foram identificados como Eweliyn Monique Bertolla Murtinho (sem documento), Lorena Barbosa Lopes, 31, Marcos Antônio da Silva, 45, Marcelo de Sousa Santos, 26
Com eles, os policiais apreenderam R$ 3.650, em espécie, proveniente do tráfico de drogas, porções de drogas, balança de precisão, celulares e uma motocicleta. Na operação, com uma mulher conhecida por "Monique", 25 anos, foi presa com um celular com conteúdo ligado a facção criminosa.
As ordens judiciais foram expedidas pela Vara do Crime Organizado. Todos os presos serão autuados em flagrante por tráfico de drogas e organização criminosa.

Nome - Panóptico - significa construção, cuja estrutura faz com que se consiga observar a totalidade da sua superfície interior a partir de um único ponto. O termo foi utilizado pelo filósofo e jurista inglês Jeremy Benthan em 1785, para designar um modelo de penitenciária ideal.

0 comentários:

Postar um comentário