sexta-feira, maio 25, 2018

Agentes prisionais fazem paralisação de atividades por 24 horas nas 54 unidades de Mato Grosso


Agentes penitenciários de Mato Grosso paralisam, a partir desta sexta-feira (25-05-18), as atividades nas 54 unidades prisionais do Estado. A manifestação será de 72 horas. Neste período, só serão feitos os serviços de segurança nos presídios. As visitas nas unidades ficam suspensas, assim como escoltas.
A decisão de parar foi tomada em uma assembleia dos servidores penitenciários realizada no último dia 18 deste  mês.
Os profissionais cobram o reajuste do adicional de insalubridade, que aguardam desde 2013. Cobram ainda a extinção do cargo de assistente penitenciário e o auxílio fardamento que atualmente é todo custeado pelo profissional. “São pautas que estamos discutindo há anos e sem solução. O governo, desde 2015, assumiu o compromisso e até o momento não colocou nada em prática”, afirma o presidente do Sindicato dos Servidores Penitenciários do Estado (Sindspen), João Batista Pereira de Souza.
Também estão na pauta de reivindicações a isenção de ICMS na aquisição de armamento, quebra de interstício para progressão de nível e aproveitamento de tempo de serviço no executivo. Os agentes reclamam ainda do baixo efetivo devido as várias funções a quais estão delegados.
Click aqui para ver matérias na página inicial

0 comentários:

Postar um comentário