domingo, maio 13, 2018

Desvende oito dúvidas sobre os exercícios para emagrecer



Por haver uma procura muito grande pela perda de peso, a cada dia surgem novidades na conquista, por vezes milagrosa, desse objetivo, o que leva muita gente a cometer erros que além de afastar a meta podem até prejudicar a saúde. Por outro lado, existem antigas premissas que, devido ao avanço da pesquisa científica, mostraram-se inválidas. Para te aproximar do seu sonho da maneira mais saudável possível, aqui estão desvendadas oito dúvidas do exercício para emagrecer.



Pergunta: Fazer exercícios em jejum emagrece mais.

Resposta Mito

Nota: Antes de começar a malhar de barriga vazia, pare e informe-se um pouco sobre o assunto. É fato que algumas pesquisas recentes estão apontando para uma maior perda de gordura em quem faz exercícios em jejum. Uma delas foi feita na Universidade de Northumbria, em Newcastle, no Reino Unido, que fez um levantamento com 112 homens que se exercitavam antes do café da manha. No entanto, até o momento, nenhum desses estudos conclui que a atitude é positiva para qualquer pessoa. Além disso, há diversos riscos relacionados à prática de exercícios sem uma alimentação adequada. O educador físico Raul Santo, pós-doutorando pela Universidade São Judas Tadeu e fisiologista do exercício da Unifesp, explica que jejuar antes do treino pode resultar em mal estar, taquicardia, desmaios, vertigem e queda do rendimento em curto prazo, além de depressão e estresse em médio e longo prazo. "Quando se está em jejum, os níveis de glicose estão baixos ou baixíssimos, dessa forma o corpo usará a gordura como fonte de energia em exercícios leves e moderados", explica o fisiologista. "No entanto, há a necessidade da presença de glicose para que a gordura seja queimada, logo, o exercício em jejum tem uso de gordura muito limitado - de acordo com os níveis de glicose - e será necessário retirar a energia das proteínas". O uso da glicose como coadjuvante pode levar a sintomas de hipoglicemia, como cansaço, fraqueza e mal estar. E o uso de proteína como fonte de energia a médio e longo prazo trará um emagrecimento nada saudável: haverá diminuição da massa magra e o metabolismo será desacelerado. "A perda de peso acontecerá pela eliminação de líquidos: para equilibrar os níveis de nitrogênio liberados pela quebra das proteínas, o corpo terá que dilui-lo em água e excretar ambos pela urina", explica Raul Santo.

Pergunta: É possível transformar gordura em músculo

Resposta Mito

Nota: A gordura tem uma função energética e é utilizada para produzir energia. Os músculos são constituídos de proteínas, macronutrientes com função estrutural. "Com a prática de exercícios ao longo do tempo, gastam-se gorduras e ganham-se músculos, entretanto não é uma transformação em que um passa a ser outro", explica Nikolas Chaves.

Pergunta: Quanto mais roupas eu usar, mais vou suar e mais peso vou perder

Resposta Mito

Nota: Ao fazer um exercício é fundamental que haja exposição do corpo à atmosfera para que aconteça a sudorese e seja feita a regulação da temperatura corporal. "Usar muitas roupas ou plásticos envolta do corpo não emagrecerá mais, mas poderá dificultar a manutenção de uma boa temperatura e causar desidratação em função da perda acentuada de líquidos", explica o fisiologista Raul Santo. A quantidade de suor dependente da carga de trabalho: do tempo e da intensidade. Portanto, é verdadeiro que a maior quantidade de suor representa mais tempo, mais intensidade e mais calorias gastas. Mas forçar a produção de suor não significa gordura a menos, apenas água, que será resposta assim que você tomar água novamente.

Pergunta: Fracionar o exercício emagrece menos, já que a queima de gordura só começa após 20 minutos de treino.

Resposta Mito

Nota: As pesquisas científicas têm demonstrado que fracionar o exercício em três sessões de 20 minutos ou duas de 30 vale a pena. "O gasto calórico é ligeiramente maior no treino intervalado, mas esse valor não é significativo para indicar a troca de um método pelo outro para quem quer emagrecer", explica Raul Santo. "O mais importante é seguir as recomendações do Colégio Americano de Medicina Esportiva e realizar atividades físicas ao menos por trinta minutos, cinco vezes por semanas". Quanto à afirmação de que a gordura só começa a ser eliminada depois de 20 minutos de treino, o fisiologista do exercício Raul Santo esclarece que se trata de outro mito. "Qualquer exercício com carga leve ou moderada gasta gordura desde o primeiro minuto e continua queimando gordura daí em diante", explica. O que realmente acontece é que a gordura é queimada lentamente e por isso, quanto mais tempo o exercício durar - claro, respeitando os limites do corpo - mais gordura será queimada.

Pergunta: Exercícios intensos não emagrecem mais que exercícios leves

Resposta Verdade

Nota: "Ao comparar dois tipos de exercícios com intensidades e durações diferentes, deve-se ter em mente se o trabalho total realizado foi o mesmo para podermos dizer se o gasto calórico de um foi maior que o do outro", explica o educador físico Nikolas Chaves, de Belo Horizonte. Não é apenas a intensidade que determina o gasto calórico do exercício, mas também o tempo pelo qual ele foi feito. Portanto um exercício mais leve por um tempo prolongado pode ser semelhante a um exercício físico intenso feito por menos tempo.

Pergunta: Musculação engorda

Resposta Mito

Nota: "Uma das alterações corporais relacionadas à prática da musculação é o aumento da massa muscular, que pode aumentar o peso da pessoa", explica o educador físico Nikolas Chaves, de Belo Horizonte. "Isso não significa que ela engordou, pois engordar está diretamente relacionado com o aumento da gordura corporal". Em consequência do aumento da massa muscular, ocorre um aumento do metabolismo, o que levará a um maior gasto energético ao longo do dia para o funcionamento do organismo, o que significa maior perda calórica. "A musculação é uma boa alternativa para quem quer emagrecer, entretanto as opções a serem priorizadas para o emagrecimento são modalidades de exercícios aeróbios como corrida, bicicleta, natação, remo e patinação", conclui Nikolas.

Pergunta: Alternar a caminhada com corrida emagrece mais que só caminhar

Resposta Verdade

Nota: Sim! Uma boa opção para quem está começando a praticar atividades física e quer perder peso e ganhar condicionamento físico é alternar caminhada e corrida . "O gasto calórico da corrida em comparação ao gasto calórico de uma caminhada, para uma mesma distância, é maior na corrida", explica Nikolas Chaves. Uma boa opção para iniciar a prática é alternar dois ou três minutos de caminhada com um de corrida.

Pergunta: O consumo de shakes, barrinhas de proteína e whey protein potencializa o emagrecimento 

Resposta: Mito

Nota: Não, o consumo destes suplementos não auxilia no emagrecimento. "Eles são indicados somente para atletas de alto rendimento que são submetidos a sessões de treinos extenuantes onde somente a dieta não atende as necessidades nutricionais", explica Nikolas Chaves. Entretanto, se alimentar mais vezes ao longo do dia, com a orientação de um nutricionista, é uma boa estratégia para conseguir emagrecer.

Fonte: Minha Vida




0 comentários:

Postar um comentário