terça-feira, maio 29, 2018

PRF diz que Mato Grosso começou esta terça-feira com 30 pontos de manifestações de caminhoneiros


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou na manhã desta terça-feira (29-05-18) dados referentes a greve dos caminhoneiros. Segundo a instituição, seguem ativos 30 pontos de manifestações em Mato Grosso. 

O 9º dia de protestos continua mesmo após as medidas anunciadas pela presidência da República no domingo, como a redução de R$ 0,46 no preço do óleo diesel, válido pelos próximos 60 dias. A partir daí, ou seja, daqui a 2 meses, só haverá reajustes mensais. O presidente também anunciou medida provisória para que seja cumprida em todo o território nacional a isenção da cobrança do eixo suspenso nos pedágios das rodovias federais, estaduais e municipais.
O governador de Mato Grosso, Pedro Taques (PSDB), também anunciou benefício para anemizar o arrocho alegado pelos transportadores. Na tarde de segunda-feira (28-05-18) o chefe do executivo mato-grossense divulgou que vai congelar o Preço Médio Ponderado ao Consumidor Final (PMPF) dos combustíveis, que serve como base de cálculo para efeito de tributação do ICMS.
Não haverá reajuste de 17 centavos no preço do diesel, previsto para 1º de junho, que deve continuar a R$ 3,67 o litro, valor praticado antes da greve dos caminhoneiros.

Caminhoneiros, porém, seguem com um discurso de “causa própria”. A maioria não se sente representado pelas entidades que negociaram em Brasília e em Mato Grosso o fim da greve.  
Click aqui para ver matérias na página inicial

0 comentários:

Postar um comentário