quinta-feira, maio 24, 2018

Veja os destaques de jornais de circulação nacional - 24 de Maio




O Globo
Petrobras cede e reduz preço do diesel em 10%
A Petrobras anunciou redução de 10% no preço do diesel, que ficará congelado por 15 dias. A decisão foi tomada após os caminhoneiros recusarem proposta do governo de uma trégua de três dias na greve, e diante das notícias de que faltaria combustível em aeroportos de Brasília e São Paulo. O presidente da Petrobras, Pedro Parente, quebrou a política de reajustes de preços em vigor desde junho de 2017, mas disse que a medida tem caráter excepcional. A decisão desagradou ao mercado. Em todo o país há casos de desabastecimento de alimentos e combustível. Em post nas redes sociais, os caminhoneiros informaram que a paralisação será mantida.

Azeredo começa a cumprir pena em BH
Depois de chegar a ser considerado foragido, o ex-governador de Minas Eduardo Azeredo (PSDB) se apresentou à Justiça para cumprir pena de 20 anos e um mês por peculato e lavagem de dinheiro no escândalo do mensalão tucano. Ele foi levado para quartel do Corpo de Bombeiros em Belo Horizonte, onde ficará numa sala de 27 metros quadrados que pertence ao Estado Maior da corporação. Por ser um condenado de “inegável status”, o juiz de execução penal determinou que Azeredo está dispensado de usar algemas e uniforme de detento.
   www.siqueiranews.com

O Estado de São Paulo
Isenção de tributo passa na Câmara
Juntamente com o texto-base do projeto que acaba com a desoneração da folha de pagamento para 28 setores da economia, os deputados aprovaram ontem proposta que prevê zerar, até o fim do ano, o PIS/Cofins sobre o óleo diesel. O texto segue para o Senado.

Camargo diz ter pago propina para receber indenização
Executivos da Camargo Corrêa delataram ao MP-SP o pagamento de propina a dois funcionários da Fundação Para o Remédio Popular (Furp) para que o órgão, controlado pelo governo paulista, desistisse de disputa judicial e pagasse indenização superior a R$ 15 milhões ao consórcio, que construiu uma fábrica de remédios no interior.
   www.siqueiranews.com

Folha de São Paulo
Condenado no mensalão tucano, Azeredo é preso
O ex-governador de Minas Eduardo Azeredo (PSDB), 69, se entregou à polícia ontem para iniciar o cumprimento de pena de 20 anos e um mês de prisão por peculato e lavagem. Condenado no chamado mensalão tucano, Azeredo é o primeiro acusado no caso, ocorrido há 20 anos, a ser detido.

Alckmin diz que acusação é absurda e nega caixa dois
O presidenciável Geraldo Alckmin (PSDB) negou acusações de caixa dois e disse que seu cunhado, acusado de ser operador dos recursos, é um simpatizante do partido. Em sabatina de Folha, UOL e SBT, o tucano afirmou que Aécio Neves não deve disputar eleição.
  www.siqueiranews.com

Correio Braziliense
Mesmo com redução do diesel, paralisação de caminhoneiros deve continuar
Depois de uma quarta-feira marcada pelo desabastecimento de produtos básicos em supermercados, como carnes, frutas, legumes e verduras, e com a falta de combustível para abastecer aviões em pelo menos cinco aeroportos, o governo federal apelou para a Petrobras na tentativa de resolver o impasse com os caminhoneiros. Sem garantias de trégua por até três dias, pedida pelo presidente Michel Temer em buscar uma solução “satisfatória” para encerrar a paralisação iniciada na segunda-feira, a estatal anunciou ontem à noite a redução de 10% do preço do óleo diesel nas refinarias por um período de 15 dias. Caso seja repassada pelos donos dos postos, a diminuição poderá chegar aR$ 0,23 por litro já que o valor cobrado pela empresa cai de R$ 2,3351 para R$ 2,1016.
  www.siqueiranews.com

O Dia
Ricardo Teixeira usou empresas de fachada para desviar dinheiro, diz Justiça
Ex-presidente da CBF, Ricardo Teixeira usou supostamente empresas de fachada em paraísos fiscais como Panamá e Ilhas Virgens Britânicas para permitir a lavagem de dinheiro de amistosos da seleção brasileira. Os dados fazem parte das investigações realizadas pelo Ministério Público da Espanha que, há um ano, prendeu indivíduos implicados em uma suposta rede de corrupção internacional que envolvia a CBF. Desde o ano passado, o inquérito especificamente sobre Teixeira foi transferido da Espanha para o Ministério Público Federal, do Brasil.
   www.siqueiranews.com

Diário Catarinense
Indústria, comércio, portos e agronegócio de SC têm efeitos da greve dos caminhoneiros
greve dos caminhoneiros autônomos trouxe efeito em cadeia nos principais setores produtivos de Santa Catarina. A falta de distribuição de comida nos supermercados deve se intensificar, podendo faltar frutas, legumes e verduras ainda nesta quinta-feira. Além disso, o bloqueio da chegada da ração no campo acendeu o alerta para produtores e empresários, que precisaram suspender atividades. Confira a seguir a projeção dos principais setores econômicos de SC para os próximos dias, caso se confirme a tendência de a paralisação continuar.

Click aqui para ver matérias na página inicial

0 comentários:

Postar um comentário