sábado, junho 30, 2018

Após 8 anos, Complexo da Salgadeira é reaberto ao público


Depois de ficar interditado por 8 anos, finalmente o governo do Estado reinaugurou neste sábado (30-06-18) o Complexo da Salgadeira, localizado na Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251), conhecida como estrada de Chapada dos Guimarães. O local é um dos mais visitados por turistas e moradores da Grande Cuiabá, pela beleza dos paredões e cachoeiras.

Durante o tempo em que ficou fechada, a Salgadeira não permitia visitações assim como os relaxantes banhos em suas quedas d’água. Na queda da Salgadeira a visitação terá que obedecer ao limite para banho, no máximo, 95 pessoas por vez. 

As obras realizadas no local tiveram um custo total de R$ 12,6 milhões, o governador Pedro Taques (PSDB) sugeriu o local como opção à população que não tem condições financeiras de viajar. “Esta é uma obra para a sociedade mato-grossense mais humilde. Algumas pessoas vão para Bahamas, vão para Cancun, mas nem todo mundo tem dinheiro para isso. Vem aqui, que é um complexo de turismo para o povo de Mato Grosso”, ressaltou.
O Complexo da Salgadeira foi fechado para obras em 2010, mas a grande parte desse tempo ficou sem nenhum trabalho de recuperação no local, penalizando os habitués.
Agora a nova estrutura conta com estacionamento para carros e ônibus, restaurante, loja de suvenires, trilhas, quadra poliesportiva, playground para crianças e um centro ambiental que trará a história das Chapadas do Brasil.
Uma estação de tratamento de esgoto vai garantir que os dejetos dos vasos sanitários, que antes caiam diretamente no riacho, agora receba o devido cuidado.
Para a preservação do complexo, foram construídos 540 metros de trilhas para evitar que os turistas tenham contato direto com o solo. O local também conta com mirantes, rampas e portas que permitem acesso de pessoas com deficiência.

0 comentários:

Postar um comentário