segunda-feira, julho 23, 2018

Dez curiosidades “animais”



1. Por que alguns ovos têm duas gemas?
Porque durante a ovulação dois óvulos são liberados ao mesmo tempo. E é mais comum isso acontecer com galinhas jovens.

2. Algum animal entende a língua dos homens?
De acordo com o zootecnista Alexandre Rossi, muitos animais entendem palavras pronunciadas por nós. Ele enfatiza que, de acordo com testes realizados, os que se mostraram cientificamente mais aptos foram os bonobos (um macaco parecido com chimpanzé), os chimpanzés e os papagaios.

3. Como as ostras fabricam as pérolas?
Qualquer corpo estranho (grãos de areia ou parasitas) que invada a concha pode causar irritação. Como mecanismo de defesa, as ostras revestem esse corpo estranho de madrepérola, uma substância cálcica que elas expelem para proteger a concha. É assim que se formam as pérolas. A maior pérola do mundo, encontrada em abril de 2001, tem 6,2 cm de comprimento, 5,3 cm de largura e 3,0 cm de altura. A preciosidade pesa 169 gramas.

4. Existe algum animal que não bebe água?
O coala, mamífero marsupial presente na Austrália, é um dos animais que não bebem água. Nos primeiros meses de vida, o filhote, que nasce pouco maior que uma abelha, vive dentro de uma bolsa no abdômen da mãe. Ele se alimenta de leite e de uma secreção liberada pelo ânus materno. Quando o aparelho digestivo está formado, o coala passa a ingerir folhas, ramos e brotos de eucalipto, chegando a consumir até um quilo de alimento por dia. Esses animais não bebem água porque seus pratos favoritos contêm todo o líquido de que precisam. Outros animais, como a garça, a girafa, o rato e certas espécies de coelhos, também são capazes de retirar dos alimentos toda a água necessária para a sobrevivência.

5. Qual é o segredo dos encantadores de serpentes?
Todas as cobras, inclusive a naja, usada nas apresentações de encantadores, são praticamente surdas. Quando o encantador abre o cesto onde a serpente está, ela se levanta porque costuma ficar com parte do corpo na posição ereta. O que desperta a curiosidade do animal é o movimento que o encantador faz com a flauta. Alguns encantadores passam xixi de rato na ponta da flauta, o que atiça o faro da naja e ajuda a manter sua atenção.

6. Por que o galo canta ao amanhecer?
Quando nasce o dia, ele canta bem alto para avisar ao galinheiro que continua vivo e no comando. O canto tem a função de assustar eventuais desafiantes e foi a forma que ele encontrou para controlar seu território. O galinheiro tem somente um galo porque se tivesse dois, apenas um sobreviveria à luta pela liderança.

7. Como os pintinhos conseguem sair do ovo?
Os pintinhos, assim como as demais aves, nascem com um dentinho especial para quebrar o ovo. Depois que fazem o serviço, que demora cerca de dois dias, perdem o dentinho.

8. Por que a pomba branca simboliza a paz?
São duas histórias com raízes religiosas. Quando João Batista estava batizando Jesus, o Espírito Santo apareceu na forma de uma pomba. A outra história diz que, após o dilúvio, Noé soltou um corvo e depois uma pomba. Do corvo não se ouviu mais falar e a pomba voltou porque não encontrou lugar para pousar. Uma semana depois, a ave foi solta novamente e voltou com uma folha verde de oliveira no bico. Isso era sinal de que já havia terra firma em algum lugar. Como o branco simboliza virgindade, paz, harmonia, uniu-se a pomba à cor branca e assim surgiu o símbolo da paz.

9. Como o mel é feito?
As abelhas recolhem o néctar das flores e o transformam em mel. O sabor do mel depende do tipo de flor da qual o néctar foi retirado. Os méis claros têm sabor mais suave. Os escuros, feitos a partir de flores silvestres, são mais fortes e possuem mais proteína.

10. Por que o gambá tem cheiro ruim?
O gambá tem glândulas que produzem um líquido chamado butilmercaptana. Ele só é liberado quando o animal se sente ameaçado. O cheiro forte funciona como defesa do gambá, porque afasta os animais predadores. Quando não está em perigo, o gambá, assim como os outros animais, tem um cheiro característico.

Fonte: NãoMinta

0 comentários:

Postar um comentário