quinta-feira, setembro 13, 2018

Mais de 62% dos usuários do transporte coletivo de Cuiabá desaprovam qualidade do serviço


Uma pesquisa encomendada pela Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos Delegados de Cuiabá (Arsec) indica que 62,7% dos usuários do transporte coletivo de Cuiabá não estão satisfeitos com a qualidade do serviço. Esse continente avalia o serviço como regular, ruim ou péssimo. O questionamento foi aplicado no mês de julho deste ano.
Foram entrevistados 1.509 usuários de algumas linhas de ônibus da Capital. A margem de erro é de 3%. A insatisfação dos passageiros é demonstrada em diversos pontos analisados pela pesquisa.
Conforme o levantamento, 87% acreditam que o valor atual da tarifa, de R$ 3,85, não corresponde à qualidade dos serviços prestados. Com relação as condições de conservação, limpeza e conforto, por exemplo, 57,2% consideram como regular, ruim ou péssimo e outros 42,7% consideram como bom ou ótimo. Cerca de 6 em cada 10 passageiros não confiam nos horários programados do transporte coletivo e mais da metade dos entrevistados acreditam que não chegarão ao destino no horário previsto.
A insatisfação quanto aos pontos de ônibus instalados na capital é demonstrada pelos 55,8% que os consideram como ruim ou péssimo. Se forem considerados os que votaram apenas como regular, os números sobem para os 88,6%.
O levantamento constatou que 76% das pessoas utilizam o transporte coletivo cinco vezes ou mais por semana. 70% dos entrevistados eram pagantes - pouco mais da metade, 51,5%, mulheres.  
Como se vê o serviço é falho, sem qualidade e não confiável.

0 comentários:

Postar um comentário