sábado, outubro 13, 2018

Alzheimer deteriora cérebro feminino mais rápido que o masculino



Mulheres que sofrem de Alzheimer têm o cérebro deteriorado mais rapidamente que os homens, mesmo quando ambos estão no mesmo estágio da doença, segundo pesquisadores. Um estudo descobriu que as mulheres apresentam uma perda maior de suas habilidades mentais 

O estágio de progressão do Alzheimer é medido com base no comportamento. Testes mais detalhados, como o de habilidades verbais, sugerem que o cérebro masculino é melhor em lidar com as consequências da doença. A pesquisa também contou com testes de memória, onde as pessoas recordam acontecimentos do passado e informações atuais.

Um estudo envolvendo 828 homens e 1.238 mulheres realizado pela Universidade de Hertfordshire aponta que pessoas do sexo masculino podem resistir à progressão da demência e apresentam melhores condições de memória e capacidade verbal do que do sexo feminino. Já entre grupos de pessoas saudáveis, são as mulheres que têm os melhores índices.

A análise, conduzida por professor Keith Laws, foi publicado no Journal of Clinical and Experimental Neuropsychology. "Por alguma razão, e não é sobre inteligência, os homens são mais capazes de afastar os efeitos por mais tempo", disse.

Fatores como idade e nível de escolaridade não justificam as vantagens que os pacientes do sexo masculino apresentam. Além disso, não poderia ser por uma causa hormonal, já que as mulheres perdem fontes de estrogênio após a menopausa, que desempenha um papel importante no cérebro.

As informações são do Daily Mail.

0 comentários:

Postar um comentário