quarta-feira, novembro 28, 2018

Alunos do Liceu que fizeram foto em saudação idêntica a nazista são punidos pela direção da escola e pedem desculpas


Ao ser acionada devido a repercussão negativa para a instituição, a direção da Escola Estadual Liceu Cuiabano Maria de Arruda Muller aplicou uma punição que inclui um vídeo de retratação por parte de 5 alunos, oriundos da classe média alta, que aparecem uniformizados e nas dependencias da unidade educacional em uma fotografia, publicada na semana passada, com o braço direito no ar com a palma da mão estendida para baixo, em um gesto que se refere à saudação nazista. Na legenda da imagem, que foi divulgada no facebook, está a seguida da frase  "o terror das feministas".

Os cinco estudantes são do terceiro ano do Ensino Médio.  A foto foi feita após eles posarem para o registro oficial de formatura.  A fotografia passou a ser compartilhada seguida de críticas chegando ao Twitter, onde foram mais de 30 mil reações negativas.

Os cinco adolescentes foram suspensos por dois dias das aulas e tiveram que fazer um vídeo se desculpando pelo ato. Além disso, a direção da escola encaminhou o caso para a Secretaria Estadual de Educação (Seduc) avaliar a situação. 

O coordenador-geral da escola, Francisco de Assis Ferreira dos Santos disse que a foto foi feita no anfiteatro da escola. “Todos os anos fazemos fotos de formatura das turmas, para colocar em um mural. Eles foram fazer as fotos e logo em seguida tiraram essa outra, por conta própria, e publicaram nas redes”.

“De acordo com o Estatuto da Criança e Adolescente, o ECA, não podemos fazer muita coisa. O que a escola poderia fazer, foi feito. Cobramos um posicionamento deles perante a sociedade, para se redimir do ato cometido”, afirmou Francisco de Assis.

Neonazismo está associado ao resgate do nazismo, ideologia política propagada por Aldolf Hitler, na Alemanha, no início da década de 1920. O movimento prega a intolerância e preza por uma suposta "raça pura." 

Por meio de nota, a Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) informou que a direção da unidade repudia toda e qualquer forma de discriminação e preconceito e que todas as medidas pedagógicas foram tomadas. 

Confira a nota na íntegra:    

"Sobre incidente envolvendo alunos uniformizados da EE Liceu Cuiabano, a Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) informa que:   

1 – A Seduc, bem como a direção da unidade, repudiam toda e qualquer forma de discriminação e preconceito. A educação estadual tem como missão o desenvolvimento da Cultura da Paz nas escolas;   

2 – A Secretaria informa que todas as medidas pedagógicas já foram tomadas, inclusive com reunião da direção da escola com os pais dos estudantes;   

3 – Ressalta que os envolvidos se retrataram por meio de um vídeo, que foi disponibilizado nas redes sociais e o caso foi registrado na ficha escolar dos estudantes envolvidos;  

4 – Por fim, reforça que o Liceu Cuiabano é referência na educação pública e há 139 atua na formação dos jovens mato-grossenses."

0 comentários:

Postar um comentário