domingo, novembro 18, 2018

Resposta sexual masculina e feminina - Larissa H. Mamedes





A satisfação sexual está relacionada ao modo como cada indivíduo passa pelas fases da Resposta Sexual. A Resposta Sexual diz respeito a uma série e alterações fisiológicas que ocorrem desde o momento em que o indivíduo se prepara para o sexo até sua efetivação.

Apesar de homens e mulheres passarem pelas mesmas fases, a intensidade e a duração de cada uma delas ocorre de maneira distinta.  As fases são:
·Desejo: vontade de ter relação sexual;
·Excitação: no homem, ocorre a ereção; na mulher, ocorre a lubrificação;
·Orgasmo: intenso prazer, acompanhado de contrações involuntárias dos músculos pélvicos;
·Resolução: o corpo se recupera de todas as alterações ocorridas anteriormente.

Estudos mais recentes afirmam que o desejo pode ocorrer aleatoriamente ou através de uma ampla variedade de estímulos, como carícias, uma imagem, um som, um cheiro. Nas mulheres, os estímulos táteis costumam surtir melhores resultados, ao passo que, nos homens, os estímulos visuais exercem grande impacto.

É preciso respeitar cada fase do ciclo da Resposta Sexual, pois cada uma delas é responsável por preparar o corpo do homem e da mulher para o ato sexual. Havendo disfunção em algum desses momentos do ciclo, haverá alteração na satisfação e no prazer durante e após o coito.

Na fase da excitação, a quantidade de sangue necessária para provocar a ereção no homem é menor do que para provocar a lubrificação na mulher; daí o fato de a mulher necessitar de um maior tempo durante as preliminares. O homem, além  de sempre se sentir apático logo após o orgasmos, volta com relativa rapidez a seu estado normal;; a mulher, volta muito mais vagarosamente, sendo capaz de experimentar um prazer sexual profundo e prolongado durante a fase da resolução, podendo ser novamente levada ao orgasmo.

Existe um mito sobre a relação do tamanho do pênis com o prazer sexual da mulher. Apesar de a vagina da mulher possuir uma profundidade, sua sensibilidade se encontra nos primeiros 3cm da penetração.

Além disso, estudos indicam que o estímulo do clitoris é crucial para a produção da descarga orgásmica (a maioria das mulheres sentem que a excitação clitoriana proporciona a mais importante contribuição para o orgasmo). Portanto, use a criatividade, conheça seu corpo e o corpo da pessoa com quem você se relaciona e explore as fantasias sexuais.

Se você estiver encontrando insatisfação sexual, algo que se considera anormal, procure por um especialista sexólogo para avaliar o que pode ser feito para que você e seu (sua) parceiro (a) tenham prazer e curtam a relação.

Larissa H. Mamedes  é Psicóloga e Terapeuta Sexual 


0 comentários:

Postar um comentário