quinta-feira, março 14, 2019

Usinas brasileiras estimam processar 10 milhões de toneladas a mais de cana-de-açúcar nesta safra


As usinas brasileiras devem processar em torno de 10 milhões de toneladas a mais de cana-de-açúcar na safra 2019/2020, que começa em abril, segundo projeções da Datagro.

Em um cenário marcado por meses de clima instável e de novos investimentos para ampliar a produtividade no campo, a moagem total deve chegar a 632 milhões de toneladas da matéria-prima, o que representa um aumento de 1,6% na comparação com o ciclo 2018/2019 que se encerra este mês.

Os números, que antecedem a divulgação das projeções da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica), foram apresentados pelo presidente da consultoria especializada, Plinio Nastari.

O etanol encontra pela frente um mercado aquecido dentro do Brasil, com expectativas futuras de atrair mercados estrangeiros como os EUA.

Segundo números apresentados por Nastari, o país deve produzir 34,4 bilhões de litros do combustível entre 2019 e 2020, 500 milhões a menos do que no ciclo anterior.

Nesse contexto, o etanol de milho também adquire relevância na matriz energética, com cerca de 1,15 bilhão de litros dos 32,3 bilhões a serem produzidos em toda a região Centro-Sul. Além de Mato Grosso e Goiás, áreas como o oeste da Bahia, o sul do Piauí e o Tocantins têm potencial de incrementar essa produção.

Fonte: Datagro

0 comentários:

Postar um comentário