Follow by Email

Informe Publicitário

sábado, fevereiro 25, 2017

Vinde e Vede começa neste sábado e espera reunir mais de 120 mil pessoas


O maior evento religioso da região tem a expectativa de reunir cerca de  120 mil pessoas durante os quatro dias da 31ª edição do Vinde e Vede, que será realizado no Memorial Papa João Paulo II, no bairro Morada do Ouro, em Cuiabá, pela Arquidiocese da capital.
A entrada é gratuita e o evento celebra os 300 anos de aparição da imagem de Nossa Senhora Aparecida no Brasil, por isso tem como lema "Aparecida é aqui".
A programação do Vinde e Vede começa neste sábado dia 25 de fevereiro, às 18h, com o Micarecristo. No domingo e na segunda-feira, a programação será das 14h às 22h e, na terça-feira (28-02-17), das 10h às 22h.
Da programação constam pregações, louvores, celebrações, apresentação de danças, teatros, cantores regionais e nacionais ao longo dos quatro dias de evento.

As pessoas terão ainda no local praça gastronômica, atividades para crianças, jovens e idosos, confessionários, e estacionamento para duas mil vagas e posto médico.

Click aqui para ler  notícias da primeira página 

Resumo de Novelas - 25 de fevereiro



SOL NASCENTE
Sinhá indica o quarto de Tanaka. Carol confessa a Ana que tem medo de ser presa. Loretta percebe o desconforto de Milena com a pressão de Ralf para se casar. Mario descobre que Tanaka foi para a casa de Sinhá e se preocupa. Paty vê o show de Lenita no Rota 94, e Marina fica perturbada ao reconhecê-la. Tiago e Yumi cuidam de Dora. Sinhá leva comida para César. Julia torce para Wagner retornar da Bahia. Dora pede que Yumi dê um filho a Tiago. Loretta tenta aconselhar Milena. Tanaka ouve Sinhá ser rude com Mocinha. Wagner tem alta, e Patrick volta com ele para Arraial. Ralf convoca Padre Julião para marcar a data de seu casamento com Milena. Tanaka garante a Gaetano que descobrirá quem é a verdadeira Sinhá.

ROCK  STORE
Luana pede a Nicolau que o relacionamento deles fique em segredo. Léo e Lázaro continuam com o plano de tirar artistas da Som Discos. Gordo afirma a Eva que dará a volta por cima na gravadora. Néia se alarma com uma ligação que recebe. Miro reafirma para Léo seu compromisso com Gordo na Som Discos, mas Nina demonstra gostar do assédio do cantor. Nina alerta Miro sobre seus ciúmes. Luana não aceita as desculpas de JF. Yasmin flagra Néia pegando o casaco de Léo, o mesmo usado pelo ladrão que roubou a gravadora de Gordo. Luana entrega as roupas de Alex para Luizão doar para o asilo. Diana diz a Gui que Júlia e Lorena são a mesma pessoa. Júlia vasculha as roupas de Alex e se surpreende ao encontrar uma foto do bandido ao lado de Lorena.

A LEI DO AMOR
Aline se faz de vítima na frente Tião e Magnólia fica furiosa. Elio fala sobre Aline para o delegado. Ciro começa a trabalhar como motorista. Ana Luiza critica Vitória por sua insegurança com Augusto. Salete flerta com Leonardo. Tião convence Aline a não denunciar Magnólia. Yara apoia Ciro. Flávia e Misael se encontram. Augusto e Salete entram no carro de Ciro para voltar a São Dimas. Magnólia propõe uma trégua a Tião. Tiago sonha com Marina e fica perturbado. Yara convence Helô a se encontrar com Pedro no Rio de Janeiro. Tiago viaja para Curitiba. Salete conta para Jéssica e Flávia que conheceu Leonardo. Jáder se declara para Ruty Raquel. Luciane conversa com Robinson. Helô desiste de ir atrás de Pedro. Marina aparece no quarto de Tiago em Curitiba.
Click aqui para ler  notícias da primeira página

Fiscalização Preventiva do CREA orienta sobre segurança no carnaval



A Coordenadoria de Fiscalização Preventiva Integrada (FPI) do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (Crea-MT) enviou a todas as 141 Prefeituras do Estado, o Termo de Responsabilidade e Compromisso que contêm exigências legais e normas que garantem um carnaval em segurança para a população. As cidades que forem promover o carnaval, deverão atender a estes critérios, tendo um profissional habilitado responsável pela estrutura da festa.

Reynaldo Magalhães, Coordenador da FPI, lembra que todas as prefeituras mato-grossenses foram notificadas e sabem das documentações técnicas que precisam ser providenciadas. O prazo para entrega é até esta quarta-feira (22), as 18h e, a documentação também deve ser entregue ao Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso, com quem o CREA tem uma parceria, assim como o Ministério Público Estadual, nestas ações.

Os fiscais do Crea-MT, no interior do Estado, também estão cobrando a documentação nos municípios e dos particulares. "O objetivo maior é orientar e evitar acidentes. Conscientizar os organizadores dos eventos de que a segurança deve vir em primeiro lugar", alerta Magalhães.

Uma das grandes questões a ser verificada pelo Crea-MT é a apresentação das Anotações de Responsabilidade Técnica (ART) por parte dos realizadores, “para a montagem de estruturas de arquibancadas, camarotes e palcos é necessário que o responsável técnico pelo evento apresente junto ao Conselho as ART´s referentes a elaboração dos projetos, os respectivos memoriais descritivos e as anotações das execuções e montagens das referidas estruturas, bem como os contratos firmados entre a realizadora  do evento e o profissional responsável”, detalha o coordenador.


Até o momento 22 prefeituras já comunicaram que não promoverão o carnaval de rua e, algumas que já enviaram a documentação, estão sendo orientadas, pois muitas vezes, mais de um profissional deve assumir a responsabilidade. “Dependendo do porte do evento e do tipo de equipamentos que estarão sendo utilizados, o evento precisa de um engenheiro civil e outro engenheiro eletricista para garantir a segurança de que tudo ocorrerá bem”, finaliza Reynaldo Magalhães.

Click aqui para ler  notícias da primeira página 

Horóscopo de hoje - 25 de fevereiro



Áries (21/03 a 20/04)
A autoconfiança é muito importante. Mas seu excesso pode levar a julgamentos equivocados. É tempo de ser racional em relação à autopercepção, evitando cometer erros de avaliação.
www.siqueiranews.com

Touro (21/04 a 20/05)
A consciência do impacto gerado por suas ações é fundamental na hora de tomar grandes decisões. É tempo de pegar as rédeas da situação e se responsabilizar pelo que suas ações podem gerar.
www.siqueiranews.com

Gêmeos (21/05 a 20/06)
Ao emitir sua opinião sobre coisas alheias é preciso ter cuidado para não extrapolar os limites colocados pelo outro. É tempo de perceber que nem todos estão abertos a discutir suas crenças.
www.siqueiranews.com

Câncer (21/06 a 21/07)
Ao perceber que o seu dia a dia está gerando estresse, é preciso mudar os comportamentos que trazem dano. É tempo de confiar que a mudança de hábitos pode transformar a qualidade de vida.
www.siqueiranews.com

Leão (22/07 a 22/08)
Não há nada de mal em errar ou fracassar. Todos passam por isso em algum momento. O problema é interpretar que você mesmo é um fracasso. É tempo de amadurecer com as falhas cometidas.
www.siqueiranews.com

Virgem (23/08 a 22/09)
Ao desenvolver a habilidade de perceber o que sente em cada situação, você poderá se libertar daquilo que o aprisiona. É tempo de confiar na intuição e seguir o caminho da evolução.
www.siqueiranews.com

Libra (23/09 a 22/10)
Ao visualizar o que se quer, é possível enxergar os próximos passos. A liberdade de escolha permite dar grandes passos em direção a um objetivo. É tempo de refletir sobre suas escolhas.
www.siqueiranews.com

Escorpião (23/10 a 21/11)
Ao respeitar o modo como o outro pensa, você garante a liberdade de expressão quando emite uma opinião. É tempo de poder ser fiel às suas ideias sem ser inflexível em relação às dos outros.
www.siqueiranews.com

Sagitário (22/11 a 21/12)
Ao se engajar em atividades que canalizem o excesso de energia, você obtém a calma necessária para tomar decisões. É tempo de aquietar o espírito e ter as reflexões necessárias antes de agir.
www.siqueiranews.com

Capricórnio (22/12 a 20/01)
Quando alguém age de forma sensível, não significa que a razão não esteja presente. São formas opostas e complementares de compreender o mundo. É tempo de agir de maneira diferente.
www.siqueiranews.com

Aquário (21/01 a 19/02)
A grande questão é acreditar que a transformação vai se dar pelo meio externo. Ela começa em você e nas pessoas que você pode influenciar. É tempo de ser a mudança que quer ver no mundo.
www.siqueiranews.com

Peixes (20/02 a 20/03)
Ao afastar seus medos e agir independentemente deles, é possível ver o mundo sob uma nova ótica. É tempo de se fortalecer para um novo ciclo e seguir a direção apontada pela intuição.
 
Click aqui para ler  notícias da primeira página

Abílio Junior pede criação de CPI da saúde em Cuiabá


Após visita em quatro unidades de saúde pública em Cuiabá, o vereador Abílio Junior (PSC) pediu, durante sessão plenária, na Câmara Municipal de Vereadores, que fosse criada uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar o cumprimento de escala por parte das equipes médicas, bem como a estrutura física e logística desses locais e o atendimento dispensado aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).  

Em um dos locais visitados pelo vereador, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Morada do Ouro, foi constatado o descumprimento de horário de escola por parte de alguns médicos que, segundo ele, estavam no quarto de repouso, enquanto pacientes aguardavam impacientemente por atendimento.

Conforme a escala acessível no mural da UPA, deveriam estar em atendimento cinco médicos plantonistas entre o horário de 19h e 7h da manhã seguinte. Contudo, foi visto que, por volta de meia-noite, apenas um deles estava trabalhando, e que os outros quatro estariam na sala de repouso.

“É um absurdo isso, inadmissível. Uma unidade médica que poderia e deveria estar com cinco médicos atendendo a população, contar apenas com um deles. E, mesmo que haja o horário de repouso, onde está o bom senso desses profissionais, ao ver uma unidade cheia de pacientes e, mesmo assim, saírem praticamente todos para descansarem, ao mesmo tempo. Não podemos aceitar esse tipo de atitude numa área tão importante e carente como a da saúde pública”, disse Abílio Junior.

Diante do fato, que havia sido apontado por algumas das pessoas que aguardavam pelo atendimento médico, o parlamentar acionou a Polícia Militar, que esteve na unidade e acompanhou a vistoria, confirmando a ausência dos médicos.

Em virtude disso, o vereador registrou um boletim de ocorrência, registrando o fato, considerado por ele lastimável e carente de mudança imediata. 

Apesar dos apontamentos expostos pelo vereador, grande maioria dos demais parlamentares se posicionaram contra instaurar a CPI, sugerindo a apenas a presença do chefe da pasta explicações sobre o setor. 


Click aqui para ler  notícias da primeira página 

Brasil é o país mais depressivo da América Latina, revela OMS


O Brasil tem a maior taxa de pessoas com depressão na América Latina e uma média que supera os índices mundiais. Dados publicados nesta quinta-feira (23/2), pela Organização Mundial da Saúde (OMS) apontam que 322 milhões de pessoas pelo mundo sofrem de depressão, 18% a mais do que há dez anos. O número representa 4,4% da população do planeta. No caso do Brasil, a OMS estima que 5,8% da população nacional seja afetada pela depressão. A taxa média supera a de Cuba, com 5,5%, a do Paraguai, com 5,2%, além de Chile e Uruguai, com 5%.

No caso global, as mulheres são as principais afetadas, com 5,1% delas com depressão. Entre os homens, a taxa é de 3,6%. Em números absolutos, metade dos 322 milhões de vítimas da doença vivem na Ásia.

De acordo com a OMS, a depressão é a doença que mais contribui com a incapacidade no mundo, em cerca de 7,5%. Ela é também a principal causa de mortes por suicídio, com cerca de 800 mil casos por ano.

Ansiedade

Além da depressão, a entidade indica que, pelo mundo, 264 milhões de pessoas sofrem com transtornos de ansiedade, uma média de 3,6%. O número representa uma alta de 15% em comparação a 2005. 

Uma vez mais, o Brasil lidera na América Latina, com 9,3% da população com algum tipo de transtorno de ansiedade. A taxa, porém, é três vezes superior à média mundial. Os índices brasileiros também superam de uma forma substancial as taxas identificadas nos demais países da região. No Paraguai, a taxa é de 7,6%, contra 6,5% no Chile e 6,4% no Uruguai.

Em números absolutos, o Sudeste Asiático é a região que mais registra casos de transtornos de ansiedade: 60 milhões, 23% do total mundial. No segundo lugar vêm as Américas, com 57,2 milhões e 21% do total. 


No total, a OMS ainda estima que, a cada ano, as consequências dos transtornos mentais gerem uma perda econômica de US$ 1 trilhão para o mundo.

Click aqui para ler  notícias da primeira página

Foro privilegiado e impunidade (II) *Juacy da Silva



O chamado foro privilegiado na verdade tem  um  nome meio complicado “foro por prerrogativa de função”ou pode também se denominado de foro especial, enfim,é  uma prerrogativa que os ocupantes de determinadas funções públicas  tem para serem investigados, julgados e condenados apenas por tribunais superiores.
No caso, por exemplo, Deputados Federais, Senadores, Ministros, Presidentes da República só  podem ser investigados, julgados e condenados pelo Supremo Tribunal Federal  enquanto  Governadores e desembargadores tem como foro privilegiado o Superior Tribunal de  Justiça, enquanto prefeitos, deputados estaduais e outras figuras importantes pelos tribunais de justiça. Conforme levantamento de alguns veículos de comunicação,  existem mais de 22 mil autoridades que gozam deste privilégio no Brasil  e não são submetidos aos juízes singulares,  como se esses não fossem suficientemente capazes ou juridicamente competentes  para julgarem figuras públicas.
Resta  mencionar que os juízes singulares  entram para a carreira de magistratura através de concurso público de títulos e provas enquanto desembargadores e ministros dos tribunais superiores adentram  tais instâncias superiores  por indicação política e, portanto, muito mais do que os juízes  podem ser influenciados por tais critérios quando do julgamento de recursos ou ações relacionadas com autoridades que gozam do privilégio do foro especial.
Seria muita ingenuidade da parte da população imaginar que deputados e senadores, mesmo que pressionados pela opinião pública, venham a aprovar algum dispositivo, no caso Emenda Constitucional, acabando com seus próprios privilégios, já que a morosidade da  tramitação de processos nos tribunais superiores, principalmente no STF  demora anos ou décadas  e neste meio tempo ou  a autoridade investigada  já não mais ocupa a  função que lhe garante o foro privilegiado e ai o processo tem que voltar ao juiz singular, como aconteceu recentemente com o ex todo poderoso presidente da Câmara dos Deputados que em poucos dias acabou tendo sua prisão decretada pelo   juiz Sérgio Moro ou dos ex  governadores do Rio, Sérgio Cabral e Garotinho  e de Mato  Grosso Silval Barbosa que ao deixarem de ser governadores acabaram presos por ordens de juízes singulares, por suspeitas de corrupção.
Ao longo de décadas pode-se contar nos dedos quantas autoridades no exercício do mandato ou da função que lhe garanta foro especial foram julgadas e condenadas  seja pelo STJ  ou STF, o que demonstra bem esta questão do privilégio e da impunidade que  o acompanha.
Em 2005 foi apresentado na Câmara Federal o projeto de Emenda Constitucional PEC 470 propondo o fim do foro privilegiado  e ao longo de mais de uma década mais 12 PECs sob o mesmo assunto foram apensados/juntados ao projeto original   e até hoje não foi sequer aprovado na Comissão de Constituição e Justiça e só Deus sabe quando será ou se será aprovada naquela comissão ou se chegará  ao Plenário da Câmara Federal.  Tantas são  as manobras legislativas com a finalidade e dificultar a tramitação  desta matéria, numa demonstração cristalina de que quem tem privilégios não abre mão dos mesmos de forma alguma.
Mais  de 200 deputados federais e mais de uma dezena de senadores ra República respondem a processos  ou são investigados  pelo Ministério Público Federal  e pela Polícia Federal com a “devida”  autorização do STF, muitos  em mais de uma dezena de processos,  mas que  possivelmente jamais serão punidos enquanto estiverem no exercício do mandato ou no caso dos ministros do Governo Federal que também  são protegidos pela “prerrogativa de função”  e estarão acobertados pelo manto do foro privilegiado e da impunidade.
Este número deve aumentar bastante nos próximos meses quando ocorrer o desdobramento das delações premiadas de mais de 70 ex dirigentes da Odebrecht e muito mais ainda quando  outros executivos de diversas outras empreiteiras envolvidas com corrupção emo bras públicas federais também forem obrigados a abrirem o bico Na expressão de um Procurador da Lava Jato em Curitiba há poucos dias, haverá  um tsunami em Brasilia tantos serão as autoridades e parlamentares envolvidos em acusações de corrupção. Todos gozando de foro privilegiado e torcendo para que a impunidade continue.
Outro exemplo da  morosidade na  tramitação  dos processos sob a responsabilidade do STF e da Procuradoria Geral de Justiça é  o caso  de mais de 40 parlamentares, senadores  e deputados federais, que figuram na LISTA NO JANOT como suspeitos  de corrupção no  âmbito da operação LAVA JATO. Enquanto a força tarefa em Curitiba  ja investigou e com a autorização do Juiz Sérgio Moro mais de 60 acusados de corrupção, muitos inclusive ex  autoridades que perderam o manto protetor do foro privilegiado já foram presos e vários já foram condenados, esses parlamentares que figuram na LISTA DO JANOT  ainda posam  de autoridades acima de qualquer suspeitas, afinal com certeza  são mais iguais do que os simples mortais, em que pese a Constituição Federal estabelecer que todos são iguais perante a Lei.
Neste caso isto não ocorre, corruptos sem foro privilegiado recebem  um tratamento e corruptos sob  o manto do foro privilegiado  tem certeza de  que o crime de colarinho branco compensa e que dificilmente, se conseguirem se manter em cargos ou mandatos que lhes  garantem tais privilégios poderão agir aberta  ou nos desvãos de nossas instituições para escaparem do que a Lei e a Justiça  estabelecem.
Este assunto continua  em uma próxima oportunidade.


JUACY DA SILVA é professor universitário aposentado da UFMT - Blog professorjuacy.blogspot.com -  Email professor.juacy@yahoo.com.br  Twitter@profjuacy


Click aqui para ler  notícias da primeira página

sexta-feira, fevereiro 24, 2017

Polícia Militar já colocou o bloco na rua com mais 1,3 mil homens para a segurança do Carnaval



Durante o carnaval deste ano, a Polícia Militar de Mato Grosso vai empregar um efetivo de 1,3 mil policiais e 230 viaturas além do aparato ordinário.

O reforço policial começou hoje (sexta-feira 24-02-17) e seguirá até a quarta-feira de Cinzas (01-03-17) em todas as cidades do Estado e também em distritos.

Dentre as ações de policiamento elaboradas, estão abordagens pessoais e veiculares em pontos de triagem, bloqueios parciais de vias e comboios em vias estaduais que dão acesso aos locais de Carnaval.

Nas rodovias, como a MT-251 (que dá acesso à Chapada dos Guimarães), MT-246 (Acorizal), MT-040 (Santo Antônio de Leverger) e MT-060 (Nossa Senhora do Livramento), o Batalhão de Trânsito fará a fiscalização na modalidade comboio, com viaturas policiais seguindo na frente para fazer o controle da velocidade nos horários de tráfego mais intenso. Esse policiamento rodoviário inclui a fiscalização e checagem de veículos (equipamento e documentação) e do motorista (habilitação e outros), além do uso de bafômetros para verificação do consumo de bebida alcoólica pelos condutores de veículos.

Conforme o planejamento operacional da PM, são 67 locais de Carnaval em 60 municípios. Para atender essa demanda foram escalados para atividades operacionais centenas de policiais lotados em setores administrativos dos quartéis, à exemplo do Comando Geral (QCG) que direcionou mais de 200 policiais para a operação.

Também estão escalados policiais das unidades especializadas como Batalhão de Polícia Militar Trânsito Urbano e Rodoviário (BPMTran), da Ronda Ostensiva Tática Móvel (Rotam), Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), Regimento Montado (RPMon) e Batalhão de Polícia Militar de Proteção Ambiental (BPMPA).


Click aqui para ler  notícias da primeira página

PRF inicia operação de Carnaval nas rodovias de MT



A Polícia Rodoviária Federal (PRF) iniciou a Operação Carnaval 2017, a zero hora desta sexta-feira (24-02-17), em todo o Brasil e seguirá até a meia-noite de quarta-feira de cinzas (01- 03-17). A ação é mais uma etapa da Operação RodoVida 2016/2017, iniciada em 16 de dezembro do ano passado.
O Carnaval é um dos períodos mais críticos do calendário nacional de operações da PRF, pois conta com grande fluxo de veículos nas rodovias federais e o uso abusivo de álcool é uma das principais preocupações do Órgão.
Assim, a fiscalização do consumo de bebidas será intensificada em todo o país, especialmente em pontos estratégicos que registraram maior incidência de acidentes cuja causa provável foi o consumo de álcool, inclusive nas cinco rodovias federais que cortam Mato Grosso.
Vale lembrar que, desde novembro de 2016, dirigir sob influência de álcool, conforme artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), é uma infração gravíssima punida com suspensão do direito de dirigir por doze meses e multa de R$2.934,70. Em caso de reincidência, a multa passa para R$5.869,40. A mesma multa é aplicada ao condutor que se nega à se submeter aos testes.
Além da esfera administrativa, o condutor também pode ser preso em flagrante pelo crime de embriaguez ao volante, conforme previsto no artigo 306 do CTB. Esta situação ocorre quando a medição do etilômetro (conhecido como bafômetro) indica 0,34 ou mais miligramas de álcool por litro de ar alveolar.
A fiscalização da PRF não se restringirá ao álcool. Além dessa conduta, muitas outras situações de risco estarão na mira dos agentes do Órgão. A PRF também intensificará a fiscalização nas condutas consideradas mais gravosas, que aumentam o risco de graves acidentes ou de agravamento de lesões como: Ultrapassagens indevidas, excesso de velocidade e falta de equipamentos de segurança (capacete, cinto de segurança ou cadeirinhas para crianças).
Restrições de tráfego – Para melhorar a segurança nas estradas durante esse fim de ano, a PRF restringirá o tráfego de alguns veículos de carga em rodovias de pista simples. Caminhões bitrens, cegonhas e veículos com dimensão excedente devem obedecer ao período de restrição abaixo:

Sexta-feira (24): 16h às 24h
Sábado (25): 06h às 12h
Terça-feira (28): 16h às 24h
Quarta-feira (01): 06h às 12h
Click aqui para ler  notícias da primeira página

Novo ano, velhas finanças * Aifa Naomi



O ano pode ser novo, mas para muitas pessoas as dívidas são velhas e persistem tirando o sono. Mas nem tudo está perdido. É possível reverter a situação para terminar 2017 com as contas em dia e, mais do que isso, pode ser o ano de aprender a controlar as finanças e ter a tão sonhada saúde financeira que irá trazer bons resultados ao longo da vida. Na maioria das vezes sabemos o que fazer, mas não colocamos em prática. Por isso, mudar exige decisão e força de vontade para fazer o que é necessário.

Um bom começo é colocar as dívidas no papel ou na tela, para poder avaliar qual é a dimensão de cada gasto. A partir disso é possível fazer um planejamento financeiro, para saber quanto é gasto mensalmente com as contas fixas e quanto pode ser poupado para pagar as dívidas. Anotar tudo o que é gasto é uma atividade importante para identificar quais são os gargalos do orçamento e o que pode ser cortado.

A partir desses primeiros passos, é importante resistir às tentações e manter a meta. Comprar apenas o necessário pode parecer difícil no começo, porém, com algum tempo essa atitude passa a fazer parte da rotina. Pense se a compra é só por impulso ou se o objeto ou serviço é de fato uma necessidade para aquele momento. E, caso seja uma necessidade, uma boa dica é sempre pesquisar os preços, pois o mesmo item pode ser encontrado por valores bem diferentes.

Não significa deixar de gastar ou utilizar o cartão de crédito, mas avaliar as necessidades e planejar os gastos para investir no futuro ou mesmo para realizar algum desejo. Pode ser comprar uma casa, passar férias em um lugar paradisíaco ou comprar um novo computador que irá facilitar o trabalho. Com o planejamento financeiro é possível controlar os impulsos e direcionar os recursos para as melhores escolhas.

Fazer boas escolhas é importante para uma vida balanceada e também para ter finanças equilibradas. Precisamos escolher o que queremos plantar para colher bons frutos. E um desequilíbrio aconteceu, ainda dá tempo de reverter a situação e fazer do ano novo uma oportunidade para reestruturar o orçamento e voltar a ter noites de sono tranquilas.



Aifa Naomi é presidente do Sicoob Central MT/MS


Click aqui para ler  notícias da primeira página

Como surgiu o horóscopo?

                                                 

Os primeiros registros sobre o horóscopo apareceram a partir do século 7 a.C., quando várias civilizações antigas se dedicavam à observação do céu. Suas populações acreditavam que os astros podiam influenciar a vida humana - especialmente o destino dos recém-nascidos. Entretanto, a versão do horóscopo que conhecemos hoje - uma mistura de influências da astrologia milenar dos babilônios, do conhecimento matemático dos egípcios e da filosofia grega - surgiu provavelmente por volta do século 5 a.C., com a criação do zodíaco. Em sua origem grega, essa palavra significa "círculo de animais" e indicava o grande cinturão celeste que marcava a trajetória do Sol naquela época. Dentro dessa trajetória, cada constelação por onde o astro passava simbolizava um signo. O número de constelações e as figuras que as indicavam variavam para cada civilização.
Os 12 conjuntos de estrelas que representam os signos de hoje foram padronizados ainda na Antiguidade, a partir da influência de imagens da mitologia de babilônios, egípcios, gregos e romanos. Ao definir uma referência fixa para a observação dos astros, o zodíaco impulsionou o surgimento dos horóscopos individuais com mapa astral, uma análise do céu na hora do nascimento que, supostamente, traz revelações sobre a pessoa e seu destino. Ainda no início da Era Cristã, as civilizações antigas definiram o perfil de cada signo, levando em conta, por exemplo, as peculiaridades das estações do ano. "Outras influências, como a simples observação do temperamento de pessoas nascidas em um mesmo período, também modificaram as características que cada signo apresenta atualmente", diz a astróloga Bárbara Abramo.

Com a mudança da trajetória solar ao longo dos séculos, a correspondência direta entre astrologia e astronomia não é mais tão precisa. O Sol hoje passa por constelações que não fazem parte do zodíaco e ilumina outras em períodos diferentes dos observados na Antiguidade. Mas, pelo menos em alguns aspectos, o horóscopo se adaptou com as mudanças ao longo dos tempos. "É o caso de algumas inovações relativamente recentes na escala histórica, como a descoberta dos planetas Urano, Netuno e Plutão, que trouxeram novos elementos à interpretação astrológica do céu", afirma o historiador David Pingree, da Universidade de Brown, nos Estados Unidos.




Click aqui para ler  notícias da primeira página

Começa hoje a folia de Momo em Acorizal



Começa hoje às 20h a 13ª edição do “Acorifolia- Carnaval da Paz e da Alegria”. A estrutura de som já está montada para garantir a alegria dos foliões que vão conferir hoje a apresentação das bandas, Os Originais, Toque de Prazer e ainda o DJ Ednelson da banda Chamegar.  No total, cinco bandas vão passar pelo palco do evento até a próxima terça-feira (28).

De acordo com o prefeito Clodoaldo Monteiro, são esperadas 15 mil pessoas na folia deste ano.  A festa será na praça central Nossa Senhora de Brotas. No local, 35 barracas foram instaladas  para  o comércio nos dias de carnaval. A segurança também foi reforçada . “O efetivo vai aumentando gradativamente, hoje no primeiro dia, por exemplo, serão 15 policiais militares a mais e até o dia 28, ultimo dia de folia, teremos 70 PM´s fazendo a segurança” afirmou o prefeito Clodoaldo.

Quanto a policia civil serão sete pessoas trabalhando, entre delegado e investigadores. Todos os flagrantes que forem atendidos entre as 19h e às 5h da manhã serão encaminhados para a delegacia de Acorizal. Fora desse horário, todos os flagrantes serão conduzidos para a Central de Flagrantes do bairro Planalto em Cuiabá. Além disso, haverá também segurança particular.

Ao todo 9 blocos vão desfilar na avenida. Mas destes apenas três vão competir no domingo de carnaval.  São eles: Unidos da Aldeia, Levemente Alterados e Jacaré no Seco. O tradicional bloco das piranhas, vai se apresentar somente na terça-feira (28). A concentração será as 17h na praça Santa Cruz em Acorizal.

JULGAMENTO
O concurso de blocos terá uma comissão julgadora formada por cinco membros. Serão avaliados 6 quesitos:  Evolução, Empolgação, Criatividade, Organização, Porta Estandarte ou Faixa e Dispersão. As notas vão variar de 5 a 10 em cada quesito.


A abertura oficial do Acorifolia será neste sábado (25) às 21h. As bandas vão tocar até as 4h da manhã.

Ascom



Click aqui para ler  notícias da primeira página