quarta-feira, abril 25, 2018

Real é a terceira moeda que mais perdeu valor em abril


O real é a terceira moeda que mais se desvalorizou em relação ao dólar em abril, em uma lista de 47 moedas com cotações à vista. A expectativa de um novo aperto nos juros nos EUA também tem pressionado outras moedas, mas no Brasil, esse movimento é acentuado diante das incertezas eleitorais.
Grandes bancos reconhecem que há aumento das incertezas eleitorais. O desempenho do real só não foi pior que o bolívar venezuelano, que derrete com a crise humanitária, e o rublo russo, que sofre com a incerteza geopolítica.
Abril tem sido ruim para a maior parte das moedas do mundo. A expectativa de que os juros americanos subam mais rapidamente que o esperado é o motor comum para a desvalorização de 33 moedas em todo o mundo neste mês.
Isso reforça a perspectiva de migração de dinheiro de todo o planeta rumo aos EUA para se aproveitar dos juros, o que enfraquece as demais moedas.

Pequenos negócios abriram 47,4 mil vagas em março, diz Sebrae


Pelo terceiro mês consecutivo, os pequenos negócios lideraram a geração de empregos no País. Foram 47,4 mil novas vagas com carteira assinada, totalizando quase 200 mil postos de trabalho somente no primeiro trimestre de 2018, um aumento de 127% em relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com o Sebrae.
Segundo o Sebrae, ao contrário dos outros meses, as médias e grandes empresas também apresentaram, pela primeira vez este ano, um saldo positivo em março, com a criação de cinco mil vagas, mas ainda assim acumulam números negativos.
Os dados são de pesquisa do Sebrae com base nos dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho.
Somando todos os saldos com os da Administração Pública, o total de empregos formais celetistas gerados em março foi de 56,1 mil. O setor de Serviços, mais uma vez, foi o que gerou mais emprego nos pequenos negócios. Foram 34,3 mil postos de trabalho, destacando as empresas que atuam na área de Ensino, que abriram mais de 12,2 mil vagas, seguidas pelas do ramo imobiliário, que empregaram 11,6 mil pessoas.
A pesquisa mostra ainda um saldo positivo nos pequenos negócios ligados à Indústria de Transformação, com a geração de 8,3 mil vagas e na Construção Civil, com quase seis mil empregos.
Os pequenos negócios do setor Extrativista Mineral, que em fevereiro demitiram 257 trabalhadores, geraram em março 347 postos de trabalho. Na Agropecuária, o números de vagas também subiu para 2,3 mil. Os saldos negativos foram registrados no Comércio (-3,6 mil), que foi menos negativo, se comparando ao do mês de fevereiro, quando foram demitidas 15,5 mil pessoas no setor.
Em 2017, os pequenos negócios geraram 338 mil postos de trabalho e a tendência de crescimento de emprego, com carteira assinada, no setor vem se confirmando. Conforme os dados do Caged, só neste primeiro trimestre, as micro e pequenas empresas geraram 196 mil novas vagas, quase 60% de todos os empregos criados por elas no ano passado.

Fávaro, Mendes, Pivetta e mais 28 lançam manifesto contra Taques


Trinta e uma pessoas que ocuparam cargos no Governo Pedro Taques (PSDB) ou que apoiaram a campanha do tucano ao Palácio Paiaguás redigiram uma manifesto público expondo os motivos que os levam a não apoiar a reeleição do governador.

Entre os nomes estão o ex-vice-goverandor Carlos Fávaro (PSD), o ex-prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes e de Lucas do Rio Verde, Otaviano Pivetta, além de ex-secretários de Estado, como Adriana Vandoni (Gabinete de Transparência e Combate a Corrupção), Eduardo Chiletto (Cidades), João Batista da Silva (Saúde), entre outros.

O movimento teria sido organizado pelo ex-vice-governador, que renunciou ao cargo neste mês.  

Ao longo do documento de quatro páginas, os ex-aliados afirmam que nutrem um sentimento de “decepção” em relação à gestão Taques.

“Decepção! Este é um dos sentimentos que lamentavelmente está presente em grande parte daqueles que apoiaram o Senador Pedro Taques em 2010 e em 2014, quando trabalharam, se empenharam, pediram voto e ajudaram a torná-lo governador do Estado de Mato Grosso. Os sentimentos de decepção e frustração, estão sendo compartilhados por milhares e milhares de mato-grossenses”, diz trecho do manifesto.

Na carta, eles citam também que acreditavam que Taques teria a “coragem” de tomar medidas necessárias para a transformação do Estado, o que não ocorreu.

Trecho da BR-364 conta com pontos de redução de velocidade para obras da recuperação de ponte


A BR-364 conta com pontos de redução de velocidade para realização de obras de recuperação emergencial da ponte sobre o Ribeirão Ferrugem, localizado no km 474 da rodovia de Rosário Oeste.
De acordo com a concessionária Rota do Oeste, responsável pela administração da rodovia, a obra visa recuperar a barreira de segurança em concreto tipo New Jersey.
Ainda segundo a concessionária, a ponte sobre o Ribeirão Ferrugem fica em uma região de fluxo intenso, “em uma descida e a redução da velocidade é muito importante para evitar acidentes”. Nas proximidades do local foram  instalados lombadas, sonorizadores, placas e avisos nos Painéis de Mensagem Variável (PMVs) ao longo da rodovia.

Resumo de Novelas - 25 de Abril







MALHAÇÃO VIDAS BRASILEIRAS
Rafael garante que nunca deixou de amar Gabriela, que exige que ele se afaste dela. Leandro agradece Priscila e pede que a amiga mantenha segredo sobre o novo trabalho. Paulo ensina Garoto a tocar pandeiro. Tito afirma a Jade que gosta de Flora. Brigitte sugere que Gabriela tente construir uma amizade com Rafael. Marli orienta Paulo a se desculpar com Gabriela. Leandro financia um exame para Marisa e Tom questiona a origem do dinheiro do filho. Lúcia pede para encontrar Paulo novamente.
 www.siqueiranews.com

ORGULHO E PAIXÃO
Elisabeta recusa o pedido de Darcy. Ofélia passa mal e acaba rasgando o vestido de casamento que seria de Cecília. Camilo pede Jane em casamento. Elisabeta rompe com Darcy, e as irmãs a apoiam. Susana e Petúlia chegam à fazenda dos Bittencourt. Julieta expulsa Camilo, Ludmila e Januário de sua fazenda. Uirapuru se assusta ao ver Ludmila e Mariana desconfia. Para despistar a namorada, Uirapuru inventa que é o Motoqueiro Vermelho. Camilo pede abrigo a Ema, Aurélio e o Barão.
 www.siqueiranews.com

DEUS SALVE O REI
Catarina é vencida por Virgílio, que ameaça contar ao Conselho de Cália que a rainha fez de Augusto um prisioneiro. Catarina orienta Lucíola a ordenar que Delano invada a loja de Virgílio à procura da carta que comprova que Augusto é prisioneiro. Virgílio mente a Diana que não sabe onde Amália está. Afonso tenta ajudar um prisioneiro idoso e é repreendido pelo feitor. 
  www.siqueiranews.com

O OUTRO LADO DO PARAISO
Patrick vai ao bordel para falar com Leandra. Adinéia, Suzy e Samuel reclamam das inabilidades domésticas de Cido. Suzy recomenda que Samuel visite o salão de Nádia para conhecer Marcel e Nicácio. Johnny explora Maíra e a convence a lhe comprar um terno. Leandra conta a Patrick o que sabe sobre as mortes de Laerte, Vanessa e Rato. Maíra revela a Patrick que, antes de morrer, Vanessa se encaminhou para a mina. Beth confessa a Adriana que ajudou Clara a se separar de Patrick por conta de seu amor pelo advogado. Patrick pede para conversar com Lívia.
 www.siqueiranews.com

APOCALIPSE
Ricardo Montana discursa para o povo. Benjamin lamenta ter ajudado o Anticristo a construir sua marca. O vilão diz que a partir de agora só haverá uma única religião no mundo. Ele diz que todos os livros sagrados estão proibidos. Saulo e Noah criticam as palavras de Ricardo. Stefano o trata como um deus. Multidão se curva ao Anticristo. Jonas recebe uma visita inesperada. Na redação do telejornal, todos comentam sobre a nova fase de Ricardo. Em conversa com Uri, Susana diz ter uma missão dura pela frente. 
  www.siqueiranews.com

CARINHA DE ANJO
Haydee diz para Peixoto que Flávio sabe fazer as coisas sem deixar nenhuma pista, mas que essa nova Haydee vai virar o jogo. Leonardo vai até a casa de Flávio e diz que está ansioso para saber como Cecília reagiu ao golpe. Gustavo diz para Cristóvão que jamais trairia Cecília e que essas fotos devem ser montagem e uma armação. Cristóvão diz que Gustavo errou ao não comentar sobre a modelo que derramou café nele ter ido no hotel para pedir desculpa. O advogado diz ainda para Gustavo ir para casa, pois ele não vai deixá-lo conversar com Cecília, que está muito abalada.
 www.siqueiranews.com

AMANHÃ É PARA SEMPRE

Damião fica furioso com a história do pagamento e descobre estar proibido de voltar à fazenda, pois todos acreditam que ele foi o responsável pelo rombo da empresa. Fernanda procura Franco, comenta que sua família está passando por momentos difíceis e pergunta em quanto tempo poderão dispor do dinheiro da Associação, pois Damião a abandonou e levou todo dinheiro da empresa. Com a ajuda do delegado, Gonçalo consegue abrir uma denúncia contra Damião. 

Horóscopo de hoje - 25 de Abril


Áries (21/03 a 20/04)
É possível que você se sinta mais confiante para lidar com as questões profissionais. Aproveite então para tomar decisões importantes e elaborar novas metas. É tempo de investir na produtividade.
www.siqueiranews.com

Touro (21/04 a 20/05)
A razão tende hoje a favorecer os entendimentos sobre a sua espiritualidade, procure então adotar uma postura mais pragmática ao analisar questões emocionais. É tempo de obter boas respostas.
www.siqueiranews.com

Gêmeos (21/05 a 20/06)
Ao se comprometer com suas in- tenções, você irá se surpreender com os resultados. Afinal, a sua força produtiva está amplificada. É tempo de se concentrar no que deseja realizar.
www.siqueiranews.com

Câncer (21/06 a 21/07)
A tendência é que hoje você se sinta mais criativo, elaborando novos caminhos. Busque então direcionar a sua atenção para o que deseja ver crescer. É tempo de concretizar as suas ideias.
www.siqueiranews.com

Leão (22/07 a 22/08)
Esta é uma fase em que você tende a se interessar por assuntos e realidades que antes não despertavam sua curiosidade. Aproveite para expandir o intelecto. É tempo de se informar.
www.siqueiranews.com

Virgem (23/08 a 22/09)
Ao lidar com suas emoções de forma espontânea, você liberta sentimentos que precisam vir à tona para que possam ser plenamente vividos. É tempo de expressar a verdade do seu coração.
www.siqueiranews.com

Libra (23/09 a 22/10)
Seus humores tendem a oscilar com facilidade hoje, e uma boa forma de lidar com isso é fazendo um bom uso do senso crítico. É tempo de se observar para proceder com equilíbrio e maturidade.
www.siqueiranews.com

Escorpião (23/10 a 21/11)
Ainda que muitos processos espi- rituais sejam intensos e desafiadores, é possível superá-los com le- veza, evitando maiores desgastes que podem comprometer o bem-estar. É tempo de ser mais flexível.
www.siqueiranews.com

Sagitário (22/11 a 21/12)
A impulsividade é positiva quando permite dar vazão ao que se sente, mas nem sempre produz os resultados desejados. É tempo de medir consequências das ações para agir com comedimento.
www.siqueiranews.com

Capricórnio (22/12 a 20/01)
O seu dia a dia deve precisar passar por certas mudanças para que você possa cumprir com as suas responsabilidades de forma ainda mais eficiente. É tempo de aprimorar o seu sistema produtivo.
www.siqueiranews.com

Aquário (21/01 a 19/02)
Você vive um ciclo em que a sua família tende a demandar mais atenção. Aproveite então a oportunidade para estar mais perto de quem você ama e confia. É tempo de fortalecer os vínculos afetivos.
www.siqueiranews.com

Peixes (20/02 a 20/03)
Procure deixar de lado as confusões que estiverem comprometendo a qualidade do seu relacionamento amoroso. É tempo de simplificar os sentimentos para construir trocas mais leves.

Veja os destaques de jornais de circulação nacional - 25 de Abril


O Globo
Delação da Odebrecht fica fora de processos contra Lula
A Segunda Turma do STF decidiu retirar do juiz Sergio Moro trechos da delação de executivos da Odebrecht que citam o ex-presidente Lula em supostos esquemas de corrupção da empreiteira. Para os ministros Gilmar Mendes, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski, a reforma do sítio de Atibaia e a compra do terreno para o Instituto Lula não têm relação com os crimes contra a Petrobras, investigados pela Lava-Jato em Curitiba. A defesa do petista avalia que a decisão abre caminho para questionar a competência de Moro para julgar os casos relacionados a Lula. A Procuradoria-Geral da República pode recorrer. A PF pediu à Justiça a transferência de Lula de sua sede em Curitiba, por conta dos gastos e transtornos.

Azeredo tem recurso negado
O Tribunal de Justiça de Minas rejeitou recurso do ex-governador Eduardo Azeredo (PSDB) e manteve a condenação em segunda instância a 20 anos e um mês de prisão por peculato e lavagem de dinheiro. Com isso, Azeredo pode ser o primeiro preso do mensalão tucano. 
 www.siqueiranews.com

O Estado de São Paulo
STF tira de Moro delação da Odebrecht sobre Lula
A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal impôs derrota ao juiz Sérgio Moro ao decidir retirar dele menções da delação da Odebrecht ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nos casos do sítio de Atibaia (SP) e do Instituto Lula. Os documentos serão encaminhados à Justiça Federal de São Paulo, por decisão da maioria formada pelos ministros Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes. Edson Fachin, relator do caso, e Celso de Mello votaram para que as menções a Lula nas delações da Odebrecht continuassem com Moro. A decisão abre a possibilidade de a defesa do ex-presidente contestar a competência de Moro para continuar no comando das investigações sobre as reformas no sítio e o suposto pagamento de propina pela Odebrecht por meio da compra de um terreno onde seria sediado o Instituto Lula. O ex-presidente já é réu nesses dois casos.

Gestão Temer adia leilão de petróleo de até R$ 100 bi
O megaleilão de petróleo previsto para ocorrer até o fim do ano e que renderia entre R$ 80 bilhões e R$ 100 bilhões aos cofres públicos está praticamente riscado do cronograma e deve ficar para o próximo governo. O leilão deve ser adiado por causa de disputa envolvendo a União e a Petrobrás em torno de área chamada de “cessão onerosa”, que abrange seis blocos de pré-sal na Bacia de Santos. 
www.siqueiranews.com

Folha de São Paulo
Condenado por mensalão do PSDB fica perto da prisão
Por 3 votos a 2, desembargadores da 5ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Minas Gerais negaram recurso do ex-governador Eduardo Azeredo (PSDB) contra sua condenação. O resultado confirmou a sentença de segunda instância que o condenou a 20 anos de prisão por peculato e lavagem de dinheiro. De acordo com a denúncia, houve desvio de verba de estatais para financiar a fracassada campanha de reeleição do tucano em 1998. Embora o principal recurso no tribunal não tenha sido acolhido e o entendimento do STF determine o cumprimento da pena após condenação em segunda instância, a prisão de Azeredo não foi decretada. Isso porque os desembargadores entendem que todos os recursos na corte devem ser esgotados antes. A defesa tentará novo recurso, o embargo de declaração. Diz que ele foi inocentado por testemunhas e que prisão é exagerada. 

Supremo tira de Moro trechos de delação da Odebrecht sobre Lula
A Segunda Turma do STF decidiu enviar delações da Odebrecht sobre o ex-presidente Lula para a Justiça Federal em SP retirando-os da alçada do juiz Sergio Moro, de Curitiba. A defesa do petista argumenta que os episódios narrados não têm relação com a Petrobras. Trata-se de relatos sobre o sítio de Atibaia (SP) e o Instituto Lula. Relacionam-se com duas ações penais contra Lula, que continuam na alçada de Moro, e podem contribuir com ambas. Ontem, a PF pediu a transferência do petista de sua sede em Curitiba. 
www.siqueiranews.com

Correio Braziliense
Presos que ordenavam crimes de dentro da Papuda perderão benefícios
A tentativa de presos do Complexo Penitenciário da Papuda em se associar a um dos maiores grupos criminosos do país fez com que policiais civis deflagrassem ontem a primeira fase da Operação Prólogo. Investigadores identificaram 13 homens que agiam de forma estruturada para ordenar crimes coordenados de dentro da cadeia. Os bandidos estavam alojados nas Penitenciárias I e II (PDF I e PDF II), no Centro de Detenção Provisória (CDP) e no Centro de Internação e Reeducação (CIR). Mesmo encarcerados, os detentos tiveram a prisão preventiva decretada pela 4ª Vara Criminal de Brasília. Agora, eles ficarão isolados e perderão benefícios, como saídas temporárias e progressão de regime.
www.siqueiranews.com

O Dia
Rio tem explosão de casos de chikungunya
Após epidemias de dengue e zika nos últimos anos, o Estado do Rio sofre agora com o aumento da chikungunya. Apenas nos três primeiros meses do ano foram anotados 4.262 casos da doença, enquanto em todo o ano de 2017 foram 4.305 registros. O número é quase o triplo do mesmo período do ano passado, de 1.585 casos. A infecção, assim como a dengue e a zika, é transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. Os sintomas também são similares: febre alta, dores no corpo e manchas vermelhas com coceira intensa. O que diferencia a chikungunya é geralmente uma dor forte nas articulações que dificulta até atividades rotineiras, como escovar os dentes. Em fases agudas, os sintomas podem perdurar por mais de 90 dias.
 www.siqueiranews.com

Correio da Bahia
Quedas de árvores e de poste complicam trânsito em Salvador
O trânsito está complicado na manhã desta quarta-feira (25) em Salvador. Além dos pontos de alagamento por causa da chuva, uma árvore e um poste caídos atrapalham o trânsito, de acordo com a Transalvador. Na Avenida Centenário, uma árvore caiu e está atrapalhando o tráfego na via, porque a planta atingiu a fiação, e é necessário que uma equipe da Coelba atue para fazer a remoção. Galhos de uma árvore também caíram no viaduto que dá acesso à Ladeira do Campo Santo, na Federação, e parte da via foi interditada. Outra planta também caiu na região da Polêmica, em Brotas.
 www.siqueiranews.com

Diário Catarinense
PF indicia 23 pessoas na Operação Ouvidos Moucos
Mais de sete meses após deflagrar a Operação Ouvidos Moucos, a Polícia Federal indiciará 23 pessoas suspeitas de desvios de verbas em cursos de Educação a Distância (EaD) na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Entre os nomes estão professores e funcionários da instituição, além de outras pessoas cujas funções ou serviços prestados à universidade a reportagem não confirmou até o fechamento desta edição. Eles serão indiciados pela PF pelos crimes de concussão, peculato, lavagem de dinheiro, organização criminosa, violação de sigilo funcional, falsidade ideológica, além de outras tipificações.
   
Click aqui para ver matérias na página inicial



terça-feira, abril 24, 2018

Ministério Público Estadual denuncia 7 políticos flagrados em vídeos de Silval embolsando maços de dinheiro


O Ministério Público Estadual (MP) apresentou denúncia contra 7 políticos flagrados em vídeo recebendo dinheiro supostamente de propina dentro do Palácio Paiaguás. Foram acusados por ato de improbidade administrativa o deputado federal Ezequiel Fonseca (PP), os estaduais Baiano Filho (PSDB) e José Domingos Fraga (PSD) e os ex-parlamentares Hermínio J. Barreto, Airton Português, Alexandre César e Antônio Azambuja.
O promotor de Justiça Clóvis de Almeida Júnior, membro do Núcleo de Ações de Competência Originária Cível (Naco), foi quem fez a denuncia. Os processos devem ser instaurados na Vara Especializada de Ação Civil Pública e Ação Popular.
As ações têm por base as delações premiadas do ex-governador Silval Barbosa, seus familiares e de seu ex-chefe de gabinete, Silvio Cézar Corrêa Araújo - este último responsável por filmar os políticos recebendo maços de dinheiro -, e também do ex-secretário de Estado Pedro Nadaf.
De acordo com o teor das denúncias, foi a delação de Nadaf que “produziu” mais provas do suposto esquema de pagamento de “mensalinhos” para que deputados estaduais apoiassem projetos da gestão Silval Barbosa na Assembleia Legislativa. Apesar de ainda estar sob sigilo, os depoimentos do ex-secretário foram compartilhados com o MP pela Procuradoria Geral da República (PGR).
Segundo as revelações de Silval, cada deputado recebia R$ 600 mil, em parcelas de R$ 50 mil mensais.

Ministério Público Estadual pede para a justiça bloquear R$ 37 milhões de políticos


O Ministério Público Estadual (MPE) pediu o bloqueio de R$ 37 milhões em 7 ações contra 12 políticos delatados pelo ex-governador de Mato Grosso, Silval Barbosa e pelo ex-secretário de Casa Civil, Pedro Nadaf.

Os acionados são o ex-governador Silval Barbosa, seu ex-chefe de gabinete, Silvio Cézar Corrêa Araújo, o ex-secretário adjunto da Sinfra, Valdísio Juliano Viriato, os deputados estaduais José Domingos Fraga (PSD) e José Joaquim de Souza Filho, o Baiano Filho (PSDB), o deputado federal Ezequiel Fonseca (PP), o ex-secretário extraordinário da Copa, Maurício Souza Guimarães e os ex-deputados estaduais: Carlos Antonio Azambuja, Alexandre Luis César, Hermínio J Barreto, Airton Rondina Luiz, o Airton Português, e sua irmã, Vanice Marques, que já ocupou o cargo de secretária-adjunta de Educação na gestão Silval. 
Os processos seguem sob sigilo, mas o Núcleo de Ações de Competência Originária (Naco), vinculado ao órgão ministerial, esclareceu que em breve novas ações serão propostas.

As ações civis públicas são por ato de improbidade administrativa. Os agentes políticos serão julgados por envolvimentos em esquema de cobrança de propinas de empresários, fraudes em procedimentos licitatórios, extorsões, entre outras condutas voltadas para a captação irregular de dinheiro do Programa MT Integrado.

Para reduzir gastos, o Governo do Estado prepara Programa de Demissão Voluntária


A proposta foi confirmada pelo secretário de Estado de Fazenda (Sefaz), Rogério Gallo. Ele admitiu que o governador Pedro Taques (PSDB) deve enviar à Assembleia Legislativa até o dia 30 de maio, um projeto de lei para criar o Programa de Demissão Voluntária (PDV) para os servidores públicos.
Rogério Gallo disse que o estudo está sendo concluído e pretende reduzir em até 10% o gasto com pessoal, que já vem atingindo números alarmantes. No ano passado, por exemplo, o Estado gastou cerca de R$ 10,4 bilhões com pagamento de salários de servidores, ultrapassando em 21% a receita tributária líquida, que foi de R$ 8,6 bilhões. 
Com uma linha de discurso afinado, o secretário Rogério Gallo, deixa claro que a adesão será voluntária. Outras figuras do governo repetem que é preciso deixar isso claro que ninguém será coagido a aderir.
A ideia é que o programa seja disponibilizado primeiro para os servidores da administração indireta - Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Empresa Mato-Grossense de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Empaer), o Instituto de Defesa Agropecuária (Indea), Junta Comercial do Estado (Jucemat), e outros.
Depois dessa etapa, na sequencia, o Porém, o Programa de Demissão Voluntária ficará disponível para funcionários da administração direta que quiserem aderir. O secretário também antecipa que os servidores que aderirem ao programa, continuarão recebendo pela folha salarial temporariamente, até que se atinja o valor da rescisão e dos direitos que cada servidor terá ao pedir exoneração.

Rogério contou que uma das ideias é a de que a pessoa, ao invés de receber uma indenização e romper o vínculo, ela permanecerá na folha de pagamento, já desvinculada do funcionalismo, por mais 2, 3, até 5 anos, dependendo do tempo de serviço. 

Justiça condena 5 por fraudes em habilitações no Detran de MT


A juíza Célia Regina Vidotti, da Vara Especializada em Ação Civil Pública e Ação Popular de Cuiabá, condenou 5 pessoas por fraudes cometidas na expedição de Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs) pelo Departamento de Trânsito de Mato Grosso (Detran/MT).
Segundo os autos, o Ministério Público ajuizou ação contra Alcindo Rodrigues de Figueiredo, Rinaldo de Oliveira Rangel, Rosinei Gonçalves de Aguiar, Carlos Alberto Matiello Sobrinho; Manoel Militino Pinto de Miranda, Alcides Teixeira Pego, Ataíde Marques da Silva, Edite Batista dos Anjos, Vânia Maria Nunes dos Anjos, Waldeir Carvalho, Sidnei Luiz de Oliveira, Sebastião Vital da Silva, Epifânio Ferreira dos Santos, Gilmar Cardoso Costa, Gerce Lopes da Silva, Lourival Rosa, Odair Pires da Silva, Pedro Rodrigues de Oliveira e Célio Egidio Nunes.
Conforme apurado, Alcindo Rodrigues e Rinaldo de Oliveira, à época estagiários do Detran, promoveram a inserção de dados falsos no sistema, possibilitando a confecção de 14 carteiras sem que os condutores tivessem se submetido aos exames indispensáveis.
Rosinei Gonçalves, Carlos Matiello e Manoel Militino, proprietários de autoescolas, eram responsáveis por intermediar a venda das CNHs falsas.
A decisão da juiza Célia Vidotti  foi em atendimento a pedido do Ministério Público. Apenas Carlos Alberto Mattiello, Manoel Militino, Ataides Marques, Sebastião Vital e Epifânio Ferreira seguiram no processo com sentença publicada.
Em sua decisão, a magistrada considerou que embora os 5 citados não ostentem a condição de agentes públicos, todos se valeram da conduta do então estagiário do Departamento Estadual de Transito, Alcindo Rodrigues, para a intermediação ou obtenção de carteiras falsas.

Os nomes foram condenados a suspensão dos direitos políticos pelo período de 3 anos, proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios pelo prazo de também 3 anos e pagamento de multa civil em R$ 2 mil. 

Caixa reduz em 38% taxa de juros de capital de giro para média e grande empresa


A Caixa Econômica Federal anunciou nesta terça-feira (24-04-18) redução de 38% nos juros da linha de capital de giro voltada para médias e grandes empresas. Com isso, a taxa mínima mensal, que já está em vigor, passou de 1,37% para 0,85%.
Em nota à imprensa, o presidente da Caixa, Nelson Antônio de Souza, diz que o banco possui R$ 11 bilhões de orçamento para a linha de capital de giro.
O objetivo da Caixa, conforme nota, é, a partir do corte nos juros, estimular a atividade econômica e, consequentemente, contribuir para geração de emprego e renda no País.
De acordo com a instituição, a redução das taxas atinge diretamente cerca de 23 mil empresas brasileiras com faturamento superior a R$ 30 milhões por ano.

Na semana passada, a instituição reduziu os juros do crédito imobiliário para financiamento pessoa física com recursos da poupança.