sexta-feira, setembro 22, 2017

CBF acerta amistosos da seleção brasileira contra Japão e Inglaterra em novembro


A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) acertou dois amistosos da seleção brasileira para novembro. Os adversários serão o Japão, dia 10 de novembro, em Lille, na França, e a Inglaterra, quatro dias depois (14 de novembro), em Londres, no Reino Unido.
A CBF queria dois rivais europeus: a França e a Inglaterra, mas o impasse sobre a agenda das equipes do Velho Continente impediu acerto com os franceses.
Com a definição das vagas das Eliminatórias europeias ocorrendo em outubro, a CBF decidiu optar pelos japoneses. Tite considera importante enfrentar um time com "escola asiática" de futebol.
Além dos amistosos contra Japão e Inglaterra, a seleção disputa os jogos das eliminatórias contra a Bolívia (5 de outubro, em La Paz) e Chile (10 de outubro, no Allianz Parque).
Os amistosos da seleção brasileira são definidos em parceria com a empresa Pitch.
 

ONG seleciona jovem para intercâmbio social gratuito


A organização não governamental Aiesec, entidade internacional que desenvolve liderança jovem por meio de intercâmbios sociais, abriu processo seletivo a fim de encontrar um jovem para viver uma nova experiência: impactar uma sociedade. As inscrições podem ser feitas até o dia 29 de setembro, às 12h, via internet. O objetivo é fazer com que, ao retornar, o intercambista possa aplicar os conhecimentos adquiridos no intercâmbio em sua comunidade local.

Para participar da seletiva, o jovem interessado deve cumprir com alguns requisitos: ter entre 18 e 30 anos, estar matriculado em uma universidade, residir em Mato Grosso e, preferencialmente, estar engajado em alguma atividade de responsabilidade social. Além disso, o processo é restrito a candidatos pertencentes à camada socioeconômica menos favorecida. Domínio de segundo idioma não é item obrigatório.

 As inscrições estão abertas até às 12h do dia 29 de setembro. Informações sobre a iniciativa, requisitos, etapas e formulário de inscrição podem ser encontradas no Guia do Candidato (disponível aqui http://bit.ly/impactoguia). Dúvidas podem ser encaminhadas para o endereço impactoglobal.aiesec@gmail.com.


 O intercâmbio social será desenvolvido em um país da América Latina, a ser escolhido pelo corpo executivo da AIESEC em Cuiabá, e terá duração de seis semanas. Todos os custos do intercâmbio social serão financiados pela entidade, que garante ao intercambista a passagem, hospedagem em casa de família, alimentação, seguro saúde, transporte e bolsa para sua manutenção.
 

Desembargador vê ilegalidade e manda liberar da prisão o secretário de Saúde Luiz Soares


O desembargador do tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso,Paulo da Cunha, revogou na tarde desta sexta-feira (22-09-17) a prisão em flagrante do secretário de Estado de Saúde, Luiz Soares.

Luiz Soares foi preso na manhã de hoje (sexta-feira) por descumprir uma liminar que obrigava fornecimento de medicamento à base canabidiol (maconha), valor de R$ 480, a uma criança com problemas especiais, moradora de Nova Canaã do Norte (699 km de Cuiabá). A decisão foi do juiz Fernando Kendi Ishikawa daquele município.

Por volta de 11h, ele participou de uma audiência de custódia, presidida pelo juiz Bruno D’Oliveira Marques, da 11ª Vara Especializada de Justiça Militar e Custódia, que se considerou incompetente para decidir a questão e encaminhou o processo para o TJ.

De acordo com o procurador Geral do Estado, Rogério Gallo, a decisão do desembargador confirma o entendimento de que a prisão foi ilegal, visto que o magistrado de 1º grau extrapolou sua competência ao mandar prender o secretário em flagrante, bem como não cabe prisão por desobediência.
“É uma prisão absolutamente arbitrária, absolutamente ilegal. Não cabe prisão por crime de desobediência, um crime que se livra solto de menor potencial ofensivo. Portanto, ele deveria, no máximo, ter lavado um termo circunstanciado e não ter determinado a prisão”, disse.

Por ser secretário, Soares possui foro por prerrogativa de função de modo que a decisão de afastamento só caberia ao Tribunal de Justiça. Ainda segundo Gallo, o relaxamento da prisão permite que o secretário seja liberado imediatamente sem qualquer tipo de restrição ao retorno da função. “Não foi determinada nenhuma outra medida. Então, ele esta livre para exercer seu cargo de forma plena”, encerrou. 
 

Cristiano Ronaldo, Messi e Neymar são os finalistas do prêmio de melhor do mundo da Fifa


A Fifa anunciou nesta sexta-feira (22-09-17) os três finalistas ao prêmio de melhor jogador do mundo. Cristiano Ronaldo, Lionel Messi e Neymar foram os selecionados à premiação, que acontecerá na Suíça, no próximo ano.
Neymar retorna ao prêmio Fifa após ficar ausente no ano passado. Em 2015, o atacante brasileiro disputou também com Messi e CR7, perdendo a disputa para o craque argentino. Em 2016, Cristiano Ronaldo e Messi disputaram com Antoine Griezmann.
Messi coleciona cinco troféus de melhor do mundo. Cristiano tem quatro.
A conquista do inédito prêmio de melhor do mundo seduz Neymar. Além do alto investimento feito pelo PSG para tirá-lo do Barcelona (222 milhões de euros), Neymar via no clube parisiense a chance de ser a principal estrela.
No Barça, Neymar tinha a companhia de Messi.
Neste ano, a Fifa também dará medalha ao melhor goleiro. Neuer, Buffon e Navas disputarão a taça.
Pouco antes de apresentar os três finalistas à melhor jogador, a Fifa comunicou os três finalistas ao prêmio de melhor técnico do ano. Zinedine Zidane, Antonio Conte e Massimiliano Allegri disputarão o troféu.
Na primeira lista, com vários técnicos, o técnico da seleção brasileira Tite estava na relação.

Além de melhor jogador, a Fifa selecionou os indicados ao prêmio de melhor atleta do mundo, melhor técnico de futebol feminino e o gol mais bonito.
 

Chega a Primavera



Pelo horário de Mato Grosso, o Início da Primavera no Brasil 2017 se dará às 16h02 desta sexta-feira (22-09-17); e termina em 21 de dezembro de 2017.

A Primavera tem a característica de ser um período de transição entre o tempo seco e chuvoso. Neste período, as chances de chuva são mais frequentes.
A primavera é a estação que antecede o verão e sucede o inverno. No Hemisfério Sul, onde está localizado o Brasil, esta estação é caracterizada pelo desabrochar das flores e pelo aquecimento da temperatura.
Nesta estação, o clima é mais ameno, ou seja, não tão quente quanto o verão, e nem muito frio como no inverno.
Mas em Mato Grosso, o clima muda pouco, já que o calor, acostumado com a nossa região, se faz presente quase que o ano inteiro.

Assim como o equinócio de setembro marca o início da primavera no Brasil – o equinócio é um fenômeno astronômico onde o sol atinge com maior intensidade as regiões próximas à linha do Equador, fazendo o dia ter a mesma duração no hemisfério Norte e no hemisfério Sul; o fim da primavera é marcado por outro evento astronômico: o solstício de Verão. Este é o período em que o hemisfério Sul está inclinado cerca de 23,5º na direção do Sol. Em 2017, o solstício de Verão será às 12h28 do dia 21 de dezembro de 2017(horário de Mato Grosso) no Brasil.


Com informações do Observatório Nacional 
 

Pioneiro de Juína se emociona com Caravana da Transformação: “sonho da nossa cidade”


Sede da 9ª edição da Caravana da Transformação, a cidade de Juína tem vivido dias de intensa movimentação. Os serviços de saúde têm sido reconhecidos pela população da região que lotam o Centro de Eventos da cidade desde o primeiro dia da Caravana.
Um dos que elogiaram o trabalho do Estado foi o senhor Getúlio Junqueira Viegas, um dos pioneiros do município de Juína e que foi operado nesta etapa da iniciativa. 
Getúlio disse que ficou emocionado com a forma de tratamento dado aos idosos que buscam atendimento na Caravana da Transformação. Segundo ele, os voluntários são acolhedores e tratam com carinho, cuidado, respeito, atenção as pessoas idosas que passam pelo local.
“Eu fiquei muito emocionado em ver pessoas que eu vi crescer e que hoje estão aqui prestando esse serviço à comunidade. Isso serve de exemplo”, comentou.
Para ele, o trabalho voluntário dos mais de 200 juinenses que foram formados pela Defesa Civil, é um grande exemplo para a cidade e demonstra o quanto a população local estava carente de ações em saúde.
“Eu nunca acreditei que isso poderia acontecer aqui em Juína, nossa cidade está de parabéns. Acho que isso tinha que acontecer em outras cidade também. Eu não esperava esse grande trabalho do governador Pedro Taques, e fico emocionado”, concluiu.
A Caravana da Transformação de Juína segue até o próximo de 29, atendendo 12 municípios da região Noroeste e conta com apoio da Prefeitura de Juína na organização local. O coordenador-geral da Caravana e secretário de Estado de Governo, José Arlindo de Oliveira, destaca que a população atendeu ao chamado do Estado e tem dados excelentes resultados de atendimento.

“Como o próprio governador Pedro Taques diz, aqui é o Estado sobre rodas. Aqui, os servidores tem oportunidade de ficar frente a frente ao cidadão, atendendo as suas demandas e a cidade tem acesso a serviços que geralmente não consegue no interior. Além disso, os secretários de Estado estão aqui e podem ouvir a população e reforçar as ações na região”, completou.
 

Apenas 59% dos brasileiros possuem internet, número inferior ao Chile e Venezuela


Para que a banda larga no Brasil, por meio de redes fixas ou móveis, alcance 90% da população brasileira, nível encontrado hoje em países como Canadá e Reino Unido, será necessário investir R$ 200 bilhões em infraestrutura nos próximos dez anos.

É o que diz estimativa divulgada pela consultoria Boston Consulting Group (BCG), durante o Painel Telebrasil, evento realizado em Brasília pela Associação Brasileira das Telecomunicações (Telebrasil). Segundo o estudo, o Brasil hoje oferece conexão de internet a 59% dos brasileiros - inferior a países como Chile e Venezuela.

Não é uma questão apenas de expansão territorial, mas também de qualidade. Com um investimento dessa ordem, diz a consultoria, as empresas poderiam oferecer o serviço a velocidades próximas a 100 megabits por segundo (Mbps), hoje disponíveis só em grandes cidades. Além disso, seria possível aumentar o uso de conexões de fibra óptica e o volume de dados transmitidos por redes de banda larga móvel.

Segundo Marcos Aguiar, diretor do BCG para a América do Sul, o valor representaria um aumento de 38% nos investimentos das operadoras na próxima década, considerando a média dos valores investidos pelas teles nos últimos anos. Segundo a Telebrasil, as operadoras investem cerca de R$ 30 bilhões por ano, em média.

Desse valor, diz Aguiar, só metade de fato é aplicado em expansão de redes e melhoria de serviços - a outra metade serve para atender obrigações regulatórias e uso de tecnologia da informação. Para Aguiar, seria preciso investir mais R$ 5 bilhões por ano para o salto em banda larga ocorrer.

"A indústria investe R$ 30 bilhões ao ano, e 2017 é um ano de vacas magras", disse José Félix, presidente da Claro Brasil, no evento. "Mais investimento do que a gente já faz é impossível." Ele defende que o valor venha de fundos setoriais, como o Fundo para a Universalização das Telecomunicações (Fust), criado em 2000 pelo governo para financiar infraestrutura em áreas carentes.


Estadão Conteúdo 
 

Mutirão de limpeza atinge 100% do Cristo Rei, missão é combater focos de doenças


Combater focos de enfermidades decorrentes do acúmulo de lixo orgânico é a principal meta das ações de limpeza promovidas pela Secretaria de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana em diversos pontos de Várzea Grande que hoje tem mais de 200 bairros e quase 300 mil moradores que produzem 170 toneladas por dia de lixo.
As ações estão concentradas nos bairros Vista Alegre e Vila Sadia, onde estão sendo executadas a varrição das vias públicas, poda de árvore, retirada de entulho e pintura de meio fio. Os trabalhos vão atingir ainda o bairro Alameda Júlio Muller, totalizando 100% de conclusão da operação limpeza, que faz parte do projeto “Uma Várzea Grande melhor para a Nossa Gente”.
O secretário de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana, Breno Gomes, lembra que ações de limpeza, semelhante a esta que está sendo desenvolvida na região do grande Cristo Rei, já foi realizada também no Parque do Lago e em todo o conglomerado de bairros que atinge essa região e também na região Central da cidade.
“Vamos começar uma experiência de coleta seletiva em alguns bairros e se funcionar a contento, vamos ampliar para todos, sendo que este tipo de serviço prestado pelo Poder Público depende muito da participação popular, ou seja, se a população contribuir as chances de dar certo são infinitamente maiores”, disse o secretário Breno Gomes.

Ele sinalizou ainda que a população tem outra importante missão, a de cobrar e fiscalizar os vizinhos para que também atuem no mesmo sentido sob pena dos serviços se tornarem inúteis, pois enquanto a menor parte contribui e faz seu papel, a outra suja e piora a situação de todos.
 

Venezuela dá 'calote' de R$ 820 milhões no Brasil


O Brasil vai enviar à Venezuela uma equipe de representantes para negociar com o país e evitar um “calote” de R$ 820 milhões. De acordo com o jornal Folha de São Paulo, no início do mês a Venezuela deixou de pagar a parcela milionária a fornecedores brasileiros. Além do dinheiro que não foi pago, o governo se preocupa com as próximas parcelas, que ainda devem vencer, no valor de R$ 15 bilhões.
O Banco Central foi informado do não pagamento em 8 de setembro, já que isso ocorre no âmbito do Convênio de Pagamentos e Créditos Recíprocos, CCR, uma espécie de câmara de compensação entre os bancos centrais de 12 países da América do Sul. Com o CCR, os bancos realizam um “acerto de contas” de quatro em quatro meses e, caso o importador não arque com suas dívidas, quem deve pagar é o governo do país que deve.
Entre os fornecedores que devem receber quantias da Venezuela estão as construturas Andrade Gutierrez, Oderbrecht e Camargo Corrêa, que possuem financiamento com o BNDES. O dinheiro foi gasto em obras como a construção do metrô de Caracas e de Los Teques, além de uma usina siderúrgica e obras de saneamento.

Representantes do Banco Central e do Ministério da Fazenda aguardam a autorização do governo venezuelano para iniciar as negociações e reaver o dinheiro.
 

Papa anuncia fim de recurso para padres que cometem abusos


O papa Francisco anunciou ontem (quinta-feira 21-09-17) que um religioso efetivamente condenado por abuso sexual contra um menor de idade não poderá apresentar recurso e jamais terá a graça concedida. O pontífice fez este anúncio ao receber os membros da Pontifícia Comissão para a Tutela dos Menores, organismo criado por ele há quatro anos para trabalhar pela educação e prevenção de abusos dentro Igreja Católica. A informação é da EFE.
Francisco, que tinha um discurso escrito, deixou o protocolo de lado para falar de improviso sobre algumas das preocupações e acusações de atraso que surgiram sobre como a Igreja está enfrentando o problema e reconheceu que existe lentidão na hora de analisar os muitos casos que chegam.
Segundo o papa, os atrasos se devem a dois fatores: falta de pessoal e os vários pedidos de recurso. "Os advogados trabalham para tentar diminuir a pena, porque é disso que os advogados vivem", explicou o pontífice, lembrando que então todos os aspectos legais são analisados novamente, provocando mais atraso.
Diante disso, Francisco anunciou que está trabalhando para que quando um abuso for provado, isso será suficiente para não admitir recurso."Se há provas, ponto. (A sentença) é definitiva", declarou.
Para Francisco, uma pessoa que comete um abuso é "doente" e não pode ser perdoada porque pode voltar a cometer o mesmo crime dentro de pouco tempo. "Temos que botar na cabeça que é uma doença", afirmou ele, reiterando a "tolerância zero contra os abusos".
Durante o seu discurso, o papa citou o árduo trabalho da Comissão e disse que a Igreja demorou a "tomar consciência" sobre este problema. Entre as pessoas que ouviram as palavras de Francisco estavam o inglês Peter Saunders e a irlandesa Marie Collins, que sofreram abusos sexuais de padres durante a infância.
Com informações da Agência EFE 
 

Batalhão de Trânsito apreende explosivos, armas, drogas e prende três na rodovia de Chapada dos Guimarães


O Batalhão da Polícia Militar de Trânsito Urbano e Rodoviário (BPTran) realizou duas ações que resultaram na apreensão de explosivos, armas, munições, drogas e na prisão de três suspeitos durante a noite a noite de ontem (quinta-feira 21-09-17) , no posto do 3º Pelotão, na rodovia MT 251, que liga Cuiabá a Chapada dos Guimarães.
De acordo com a Polícia Militar, uma equipe avistou um veículo Voyage de cor preta, ocupado por um homem. Os policiais deram sinal de parada, entretanto o condutor não obedeceu e empreendeu fuga em alta velocidade.
Rapidamente, uma guarnição seguiu acompanhando o veículo até que o motorista desceu e fugiu para uma região de mata. Durante a fuga ele, que estava de posse de uma arma longa, continuou não obedecendo a voz de parada e ainda apontou arma na direção dos policiais que por sua vez revidaram a agressão. A guarnição fez dois disparos, mas mesmo assim o homem conseguiu fugir.
Para dar apoio à ocorrência, uma guarnição do 3º Batalhão esteve no local. No interior do veículo abandonado os policiais encontraram explosivos, uma escopeta calibre 12, 30 munições, três pares de luva, uma toca ninja e um carregador de rádio HT.
Já nas proximidades ocorreu a apreensão de uma pistola 9mm. Uma equipe do Batalhão de Operações Especiais (Bope) também esteve no local para fazer o manuseio dos explosivos. Todos os materiais foram encaminhados ao Centro Integrado de Segurança e Cidadania (Cisc) para as devidas providências legais.
Na madrugada, por voltas das 3h, no mesmo posto, os policiais abordaram um Corsa Classic. O carro era ocupado por André Luiz da Silva, Ray Leandro Oliveira dos Santos e Josinei de Souza. Os militares observaram que um dos ocupantes, posteriormente identificado como Ray, se desfez de um revólver antes de descer do carro. Com André, os policiais encontraram quatro munições e uma porção grande de maconha.

Já dentro do Corsa havia várias que, inicialmente, nenhum assumiu ser dono. Depois de algum tempo, André confessou que seria dele. No carro foram apreendidos ainda um revólver, uma furadeira e seis aparelhos celulares.  Os três e todo o material apreendido foram entregues no plantão do Cisc Planalto.
 

Suicídios aumentam 12% em 4 anos e preocupam Ministério da Saúde


O número de mortes por suicídios no Brasil aumentou 12% em quatro anos. Em 2015, foram 11.736 notificações ante 10.490 registradas em 2011. A diretora do departamento de Doenças e Agravos Não Transmissíveis do Ministério da Saúde, Fátima Marinho, atribui em parte os indicadores à melhora nos registros e ao aumento da população, mas reconhece que o avanço do problema no País é um fato que precisa ser combatido.
Ela disse que p Brasil assumiu na Organização Mundial da Saúde o compromisso de reduzir em 10% o número de casos até 2020. Entre as medidas que deverão ser colocadas em prática está o aumento de Centros de Atenção Psicossocial em regiões onde os índices de suicídio são considerados mais altos e melhora dos fluxos de serviços de saúde para prevenção do problema.
Além disso, novos estudos deverão ser realizados para identificar as possíveis causas para o aumento de casos em determinadas regiões do País e ações específicas para populações indígenas, onde casos também ocorrem com maior frequência.
Dados de Boletim Epidemiológico lançado nesta quinta-feira (21-09-17) deixam claro problemas de atendimento. Das mortes por suicídio entre 2011 e 2016, 31,3% ocorreram entre mulheres que já haviam tentado outras vezes. No grupo masculino, o porcentual é menor, mas também expressivo: 26,4%.
No caso das mulheres, a maior parte das tentativas de suicídio está relacionada à violência intradomiciliar. ‘Os números reforçam a necessidade de trabalharmos na prevenção contra a violência, uma causa importante para a mortalidade feminina: seja o feminicídio, seja o suicídio.‘
Das tentativas de suicídio registradas no País no período entre 2011-2016, 69% ocorreram entre mulheres. Quando se analisam os números de morte provocadas por suicídio, no entanto, a situação se inverte: 21% ocorreram entre mulheres e 79%, entre homens.
Também preocupa o Ministério da Saúde o avanço da suicídio entre jovens. Essa é a quarta causa de morte de brasileiros entre 15 a 29 anos. No mundo, o suicídio é a segunda causa entre essa população. Isso não significa, no entanto, que o Brasil esteja em uma situação melhor.

O boletim indica, por exemplo, um crescimento de mortes por suicídio na faixa entre 10 a 19 anos de 2011 a 2015. Os casos subiram de 782 para 893.