quinta-feira, maio 11, 2017

Lançada a pedra fundamental para construção do novo Complexo Judiciário em VG



Como parte das comemorações dos 150 anos de Várzea Grande, o Poder Judiciário lançou a pedra fundamental que marca o inicio da construção da nova sede do Complexo Judiciário e que atenderá toda a Comarca, beneficiando também o município de Livramento.
A solenidade que contou com a presença do presidente do Tribunal de Justiça (TJ/MT), desembargador Rui Ramos, do Secretário-chefe da Casa Civil, Paulo Cesar Zamar Taques e da prefeita de Várzea Grande, Lucimar Sacre de Campos, além de autoridades do executivo, legislativo e judiciário.
O lançamento ocorreu no bairro Chapéu do Sol,no final da tarde desta quarta-feira(10-05-17), cuja  região abrigará novos empreendimentos públicos, imobiliários, além Parque Tecnológico e Universidades Pública Federal e Estadual.
O desembargador Rui Ramos explicou que o projeto prevê um Fórum adequado e moderno. “O prédio será edificado com recursos próprios, e outras fontes de recursos que serão capitalizadas, com capacidade para abrigar 22 Varas, 2 Juizados Especiais, Central de Atendimento, Tribunal do Júri e demais salas que compõem as instalações da Comarca. A obra custará em torno de R$ 53 milhões, além de promover empregos diretos e indiretos o mais importante resgata a cidadania. Após a conclusão da obra que terá início no ano de 2018, o espaço vai proporcionar ao judiciário a prestar serviços de boa qualidade e da forma que a população necessitar”, disse o desembargador.
O Secretário-chefe da Casa Civil, Paulo Taques destacou que há um empenho muito grande do TJ/MT em viabilizar a obra e torná-la referência. “O local atual já não comporta os anseios da sociedade pela aplicação da justiça, sendo assim, não há nada mais social do que conceder ao povo uma estrutura estatal que aplique a justiça e que dê conforto, comodidade e celeridade a prestação jurisdicional”, destacou.

A prefeita de Várzea Grande, Lucimar Sacre de Campos, enfatizou  que “O projeto merece aplausos, já que visa primeiramente oferecer ao jurisdicionado melhor acesso à Justiça. Com instalações modernas e confortáveis, localização com facilidade de acesso, o Complexo Judiciário trará maior comodidade para os usuários da Justiça e reunirá em um só local unidades que estavam espalhadas pela cidade”.

Click aqui para ler  notícias da primeira página

0 comentários:

Postar um comentário